O tratamento de homônimos em dicionários de ensino médio do PNLD 2012: análise dos verbetes cura e são

Autores

  • Neliane Raquel Macedo Aquino UFT
  • Ana Claudia Castiglioni Universidade Federal do Tocantins

DOI:

https://doi.org/10.14393/Lex3-v2n1a2016-3

Palavras-chave:

Dicionários Escolares. Ensino Médio. Homonímia.

Resumo

O dicionário é um material didático que faz parte do contexto escolar. É ao mesmo tempo produtor e receptor de discurso. Por isso, a análise desse material possibilita a observação das construções de sentido produzidas em uma comunidade linguística. Em vista disso, propomos, neste texto, analisar o tratamento dos homônimos cura e são presentes em dicionários escolares distribuídos pelo Programa Nacional do Livro Didático (PNLD 2012) para as escolas públicas de Ensino Médio no país a partir do que expõe Alves (2000); Biderman (2002); Dapena (2002); Correia (2000). O corpus retirado dos dicionários foi selecionado partindo-se dos exemplos de homônimos trazidos nos livros didáticos de Primeira Série do Ensino Médio (PNLD 2012). Essa análise proporciona pensar acerca da macroestrutura e da microestrutura dos dicionários analisados (Dicionário Houaiss Conciso; Dicionário UNESP do Português Contemporâneo; Dicionário da Língua Portuguesa Evanildo Bechara) e uso desse material no processo de ensino e aprendizagem.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Ana Claudia Castiglioni, Universidade Federal do Tocantins

Letras, Ciências do Léxico

Referências

ALVES, Ieda Maria. Polissemia e homonímia em uma perspectiva terminológica., São Paulo: Alfa, 2000. p. 261-272.

BAKHTIN, Mikhail. Marxismo e filosofia da linguagem. 2. ed. São Paulo: Hucitec, 1929.

BIDERMAN, Maria Tereza Camargo. Análise de dicionários gerais do Português Brasileiro contemporâneo: o Aurélio e o Houaiss. Filologia Linguística. Port, n. 5. 2002. p. 85-116.

BRASIL. Ministério da Educação. PNLD Dicionários. Disponível em: http://portal.mec.gov.br/component/content/article?id=16841:dicionario. Acesso em: 20 out. 2015.

BRASIL. Ministério da Educação. Secretaria de Educação Básica. Com direito à palavra: dicionários em sala de aula. Elaboração Egon Rangel. Brasília: Ministério da Educação, Secretaria de Educação Básica, 2012.

CORREIA, Margarita. Homonímia e Polissemia

DAPENA, José-Álvaro Porto. Manual de técnica lexicográfica. Madrid: Arco/Libros, 2002.

HAENSCH, G. Tipología de las obras lexicográficas. In: HAENSCH, G et al. La lexicografía: de la lingüística teórica a la lexicografía práctica. Biblioteca Románica Hispánica. Madrid: Editorial Gredos, 1982. p. 95-165.

HERNÁNDEZ, Humberto. Los diccionarios de orientación escolar: contribuición al estudio de la lexicografía monolingüe española. Tübingen: Max Niemeyer Verlag, 1989.

ORLANDI, Eni. P. Análise do dicionário. In: NUNES, José Horta. Dicionários no Brasil: análise e história. Campinas, SP: Pontes Editores

SILVA, Wagner Rodrigues et al. O que são materiais didáticos? Uma abordagem na Linguística Aplicada. In: SILVA, Wagner Rodrigues; SANTOS, Janete Silva; MELO, Márcio Araújo de (orgs.). Pesquisas em língua (gem) e demandas do ensino básico. Campinas, SP: Pontes Editores, 2014. p. 263-294.

TRAVAGLIA, Luis Carlos. Homonímia, mundos textuais e humor. Organon, Porto Alegre, v. 9, n. 23, 1995. p. 41-50.

ULLMANN, Stephen. Semântica: uma introdução à ciência do significado. Tradução de J.A. Osório Mateus. Lisboa: Fundação Calouste Gulbenkian, 1964.

VILELA, Mario. Estruturas léxicas do Português. Livraria Almedina, 1979. p. 9-37.

WELKER, Herbert Andreas. Dicionários

Dicionários utilizados

BECHARA, Evanildo. Dicionário da Língua Portuguesa Evanildo Bechara. Rio de Janeiro: Editora Nova Fronteira, 2011.

BORBA, Francisco S. Dicionário Unesp do Português Contemporâneo. LONGO, Beatriz Nunes de Oliveira; NEVES, Maria Helena de Moura; BAZZOLI, Marina Bortolotti; IGNÁCIO, Sebastião Expedito (colaboradores). Curitiba: Piá, 2011.

INSTITUTO HOUAISS (org.). Dicionário Houaiss Conciso. Mauro de Salles Villar (editor responsável). São Paulo: Moderna, 2011.

Livros didáticos utilizados

ABAURRE, Maria Luiza M; ABAURRE, Maria Bernadete M; PONTARA, Marcela. Português: contexto, interlocução e sentido. v. 1. São Paulo: Moderna, 2010.

AMARAL, Emília et al. Novas Palavras, nova edição. v. 1. São Paulo: FTD, 2010.

BARRETO, Ricardo Gonçalves (org.). Português: ensino médio. Coleção Ser protagonista. v. 1. São Paulo: Edições SM, 2010.

CAMPOS, Elizabeth Marques; CARDOSO, Paula Marques; ANDRADE, Sílvia Letícia de. Viva Português: ensino médio. v. 1. São Paulo: Ática, 2010.

FARACO, Carlos Emílio; MOURA, Francisco Marto de; MARUXO JUNIOR, José Hamilton. Língua Portuguesa: linguagem e interação. v. 1. São Paulo: Ática, 2010.

SARMENTO, Leila Lauar; TUFANO, Douglas. Português: literatura, gramática, produção de texto. v. 1. São Paulo: Moderna, 2010.

Downloads

Publicado

13-06-2017

Como Citar

Aquino, N. R. M., & Castiglioni, A. C. (2017). O tratamento de homônimos em dicionários de ensino médio do PNLD 2012: análise dos verbetes cura e são. Revista GTLex, 2(1), 62–92. https://doi.org/10.14393/Lex3-v2n1a2016-3

Edição

Seção

Artigos