ANÁLISE FATORIAL MULTIVARIADA EM DADOS DE ACIDENTES RODOVIÁRIOS PARA O MAPEAMENTO DE TRECHOS CRÍTICOS

Conteúdo do artigo principal

Mariana Dias Chaves
Vilma Mayumi Tachibana
João Fernando Custodio da Silva

Resumo

Organismos internacionais de saúde, e brasileiros também, consideram a alta incidência de acidentes viários uma epidemia por causa das milhares de vítimas fatais e sobreviventes com sequelas. A quantidade no espaço urbano é preocupante, porém a letalidade dos eventos rodoviários é maior. O estudo dos fatores determinantes é complexo e por isso não despreza nenhum tipo de contribuição calcada em ciência e tecnologia. O uso de técnicas de análise estatística multivariada é uma poderosa ferramenta de descrição e análise de dados multivariados, devido a sua capacidade de relacionar todas as variáveis de um conjunto de dados e extrair as informações sumarizadas sobre o todo. A análise fatorial resume os dados que descrevem o conjunto em um número menor de conceitos do que as variáveis originais individuais. O objetivo deste trabalho foi avaliar o potencial de aplicação da análise fatorial multivariada em dados de acidentes de trechos rodoviários da SP-270, entre os quilômetros 493 e 592, do período de 01 de janeiro de 2007 a 21 de abril de 2013. Os dados foram disponibilizados pela Polícia Militar Rodoviária do estado de São Paulo em forma de tabelas e utilizados para interpretação das variáveis envolvidas. A análise identificou onze fatores referentes às variáveis altamente correlacionadas e os trechos (quilômetros) ligados com as características de cada fator. Os resultados obtidos estão condizentes com a estatística descritiva (dados originais). A análise estatística pode contribuir com o mapeamento dos trechos críticos mediante a informação georreferenciada apropriada aos condutores sobre a situação de segurança em trechos das rodovias e consequentemente subsidiar os processos de tomada de decisão para fins de atenuar os riscos e os acidentes viários.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Métricas

Carregando Métricas ...

Detalhes do artigo

Como Citar
CHAVES, M. D.; TACHIBANA, V. M.; DA SILVA, J. F. C. ANÁLISE FATORIAL MULTIVARIADA EM DADOS DE ACIDENTES RODOVIÁRIOS PARA O MAPEAMENTO DE TRECHOS CRÍTICOS. Revista Brasileira de Cartografia, [S. l.], v. 68, n. 4, 2016. DOI: 10.14393/rbcv68n4-44285. Disponível em: https://seer.ufu.br/index.php/revistabrasileiracartografia/article/view/44285. Acesso em: 3 dez. 2022.
Seção
Artigos
Biografia do Autor

Mariana Dias Chaves, Universidade Estadual Paulista - UNESP

Organismos internacionais de saúde, e brasileiros também, consideram a alta incidência de acidentes viários uma epidemia por causa das milhares de vítimas fatais e sobreviventes com sequelas. A quantidade no espaço urbano é preocupante, porém a letalidade dos eventos rodoviários é maior. O estudo dos fatores determinantes é complexo e por isso não despreza nenhum tipo de contribuição calcada em ciência e tecnologia. O uso de técnicas de análise estatística multivariada é uma poderosa ferramenta de descrição e análise de dados multivariados, devido a sua capacidade de relacionar todas as variáveis de um conjunto de dados e extrair as informações sumarizadas sobre o todo. A análise fatorial resume os dados que descrevem o conjunto em um número menor de conceitos do que as variáveis originais individuais. O objetivo deste trabalho foi avaliar o potencial de aplicação da análise fatorial multivariada em dados de acidentes de trechos rodoviários da SP-270, entre os quilômetros 493 e 592, do período de 01 de janeiro de 2007 a 21 de abril de 2013. Os dados foram disponibilizados pela Polícia Militar Rodoviária do estado de São Paulo em forma de tabelas e utilizados para interpretação das variáveis envolvidas. A análise identificou onze fatores referentes às variáveis altamente correlacionadas e os trechos (quilômetros) ligados com as características de cada fator. Os resultados obtidos estão condizentes com a estatística descritiva (dados originais). A análise estatística pode contribuir com o mapeamento dos trechos críticos mediante a informação georreferenciada apropriada aos condutores sobre a situação de segurança em trechos das rodovias e consequentemente subsidiar os processos de tomada de decisão para fins de atenuar os riscos e os acidentes viários.

Vilma Mayumi Tachibana, Universidade Estadual Paulista - UNESP

Departamento de Estatística

João Fernando Custodio da Silva, Universidade Estadual Paulista - UNESP

Departamento de Cartografia

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)

1 2 > >>