AVALIAÇÃO POSICIONAL DE MODELO DIGITAL DE SUPERFÍCIE DERIVADO DE CÂMARA DE PEQUENO FORMATO

Conteúdo do artigo principal

Giuliano Sant'Anna Marotta
Rejane Ennes Cicerelli
Alexandre Moreno Richwi Ferreira
Henrique Llacer Roig
Mário Alexandre de Abreu

Resumo

Veículos Aéreos Não Tripulados (VANT) vêm sendo, nos últimos anos, empregados para finalidades diversas. Para tornar
viável a aplicação de microVANT em aerolevantamentos, é necessária a utilização de sensores leves e de baixo custo.
No entanto, para assegurar qualidade posicional e verificar a sua aplicabilidade prática, torna-se necessário analisar as
potencialidades das tecnologias citadas. Este trabalho avalia os Modelos Digitais de Superfície (MDS) gerados a partir
das imagens obtidas por uma câmara de pequeno formato a bordo de um microVANT, tomando como referência MDS
gerado por perfilhamento realizado por sistema LiDAR (Light Detection And Ranging) aerotransportado por aeronave
tripulada. Com a análise estatística dos resultados, verificou-se que o microVANT e a câmara de pequeno formato utilizados neste trabalho possibilitam a geração de MDS de boa qualidade, similar ao gerado por processamento LiDAR.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Métricas

Carregando Métricas ...

Detalhes do artigo

Como Citar
MAROTTA, G. S.; CICERELLI, R. E.; FERREIRA, A. M. R.; ROIG, H. L.; DE ABREU, M. A. AVALIAÇÃO POSICIONAL DE MODELO DIGITAL DE SUPERFÍCIE DERIVADO DE CÂMARA DE PEQUENO FORMATO. Revista Brasileira de Cartografia, [S. l.], v. 67, n. 7, p. 1467–1477, 2019. DOI: 10.14393/rbcv67n7-49192. Disponível em: https://seer.ufu.br/index.php/revistabrasileiracartografia/article/view/49192. Acesso em: 14 jul. 2024.
Seção
Artigos

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)