IMPLICAÇÕES EM AJUSTAR UMA REDE GRAVIMÉTRICA COM OBSERVAÇÕES MÉDIAS OU INDEPENDENTES: ANÁLISE DE PRECISÃO E CONFIABILIDADE

Conteúdo do artigo principal

Guataçara dos Santos Junior
Sílvio Rogério Correia de Freitas
Camil Gemael
Pedro Luis Faggion

Resumo

Estratégias de ajustamento associadas à proposta de metodologia utilizada para a implantação de uma rede gravimétrica de alta precisão no Paraná são apresentadas. Foi implantada uma rede com estações em 21 localidades no Estado do Paraná e uma no estado de São Paulo. Para reduzir o risco da perda de pontos dessa rede gravimétrica, eles foram estabelecidos sobre os pontos da Rede GPS de Alta Precisão do Paraná, os quais possuem uma distribuição geográfica relativamente homogênea. Para cada uma das linhas gravimétricas pertencentes aos circuitos implantados para a rede, foi possível obter três ou seis observações. Na primeira estratégia, de ajustamento investigada, para a rede, foi considerada, como observação, o valor médio das observações obtidas para cada linha gravimétrica. Na segunda estratégia, do ajustamento, as observações foram consideradas independentes. A comparação dessas estratégias revelou que somente o critério de precisão não é suficiente para indicar a solução ótima de uma rede gravimétrica. Verificou-se que há necessidade de utilizar um critério adicional para análise da solução ajustada da rede, além do critério de precisão. O critério de confiabilidade para redes geodésicas, o qual se divide em confiabilidade interna e externa foi utilizado. A confiabilidade interna foi utilizada para verificar a rigidez com a qual a rede reage na detecção e quantificação de erros grosseiros existentes nas observações, e a confiabilidade externa na quantificação da influência sobre os parâmetros ajustados dos erros não localizados. São apresentados os aspectos que diferenciam as soluções obtidas, quando se combinam os critérios de precisão e confiabilidade na análise da qualidade de uma rede gravimétrica.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Métricas

Carregando Métricas ...

Detalhes do artigo

Como Citar
DOS SANTOS JUNIOR, G.; FREITAS, S. R. C. de; GEMAEL, C.; FAGGION, P. L. IMPLICAÇÕES EM AJUSTAR UMA REDE GRAVIMÉTRICA COM OBSERVAÇÕES MÉDIAS OU INDEPENDENTES: ANÁLISE DE PRECISÃO E CONFIABILIDADE. Revista Brasileira de Cartografia, [S. l.], v. 57, n. 2, 2009. DOI: 10.14393/rbcv57n2-44945. Disponível em: https://seer.ufu.br/index.php/revistabrasileiracartografia/article/view/44945. Acesso em: 21 jul. 2024.
Seção
Artigos
Biografia do Autor

Guataçara dos Santos Junior, Centro Federal de Educação Tecnológica do Paraná

Centro Federal de Educação Tecnológica do Paraná Unidade de Ponta Grossa Universidade Federal do Paraná Curso de Pós-Graduação em Ciências Geodésicas

Sílvio Rogério Correia de Freitas, Universidade Federal do Paraná - UFPR

Universidade Federal do Paraná- UFPR Curso de Pós-Graduação em Ciências Geodésicas

Camil Gemael, Universidade Federal do Paraná- UFPR

Universidade Federal do Paraná- UFPR Curso de Pós-Graduação em Ciências Geodésicas

Pedro Luis Faggion, Universidade Federal do Paraná- UFPR

Universidade Federal do Paraná- UFPR Curso de Pós-Graduação em Ciências Geodésicas

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)

1 2 3 > >>