DISTÂNCIAS ESTOCÁSTICAS E MAPAS DE INCERTEZAS APLICADOS À CLASSIFICAÇÃO DE DADOS DE MÚLTIPLOS SENSORES

Conteúdo do artigo principal

Bruna Cristina Braga
Sidnei João Siqueira Sant'Anna
Corina da Costa Freitas

Resumo

Neste trabalho é proposto o aperfeiçoamento de classifi cações por meio de uma nova técnica de integração de dados
multifonte ou multisensor cuja combinação ocorre em nível diferente daqueles adotados em técnicas de integração
tradicionais. Neste caso, a composição dos dados é aplicada às informações obtidas no processo de classifi cação
individual de w imagens provenientes de w fontes distintas. O conteúdo dessas informações refere-se às distâncias e
estatísticas de teste contidas nos mapas de incertezas (referentes à confi abilidade da classifi cação) de cada uma das classifi cações. Os dados selecionados para este trabalho contemplam uma imagem óptica e uma imagem de micro-ondas.
Tais imagens foram classifi cadas a partir do classifi cador por regiões PolClass que além da classifi cação gera um
mapa de incertezas. Por meio dos dados gerados nas classifi cações individuais das imagens foram construídos cinco
Cenários de Classifi cação visando índices de acurácia superiores aqueles obtidos pelas classifi cações individuais. Dois
destes Cenários de classifi cação apresentaram baixas incertezas nas classifi cações. Para um deles, o coefi ciente kappa
e acurácia global igualaram-se estatisticamente ao maior kappa e maior acurácia adquiridos individualmente. O outro
Cenário, cuja origem foi baseada na lógica Fuzzy, obteve o melhor resultado entre os Cenários criados. A utilização
de informações provenientes de fontes distintas mostrou-se um fator positivo na classifi cação por agregar diferentes
informações ao resultado fi nal. A lógica Fuzzy revelou-se um fator positivo por permitir uma classifi cação em classes
mistas com baixas incertezas.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Métricas

Carregando Métricas ...

Detalhes do artigo

Como Citar
BRAGA, B. C.; SANT’ANNA, S. J. S.; FREITAS, C. da C. DISTÂNCIAS ESTOCÁSTICAS E MAPAS DE INCERTEZAS APLICADOS À CLASSIFICAÇÃO DE DADOS DE MÚLTIPLOS SENSORES. Revista Brasileira de Cartografia, [S. l.], v. 67, n. 7, p. 1391–1411, 2019. DOI: 10.14393/rbcv67n7-49199. Disponível em: https://seer.ufu.br/index.php/revistabrasileiracartografia/article/view/49199. Acesso em: 23 abr. 2024.
Seção
Artigos

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)