Ensino da produção textual escrita por meio de narrativas de aventura: uma possibilidade de aplicação em sala de aula

Autores

  • Carmen Teresinha Baumgärtner Universidade Estadual do Oeste do Paraná (UNIOESTE)
  • Lucilene Aparecida Spielmann Schnorr Universidade Estadual do Oeste do Paraná (UNIOESTE)

DOI:

https://doi.org/10.14393/LL63-v32n2a2016-7

Palavras-chave:

Ensino de Língua Portuguesa, Interação, Produção textual escrita

Resumo

As Diretrizes Curriculares da Educação Básica do Estado do Paraná (PARANÁ, 2008) orientam que o ensino de Língua Portuguesa deve contribuir para aprimorar os conhecimentos linguísticos e discursivos dos alunos, a fim de que compreendam os discursos que os cercam e tenham condições de interagir com esses discursos. Para isso, é fundamental que consideremos a natureza social da linguagem e o contexto de produção dos enunciados, os quais têm seus significados social e historicamente constituídos (BAKHTIN/VOLOCHINOV, 2006 [1929]). Com base nesses pressupostos, nosso objetivo é refletir sobre um processo de mediação realizado em sala de aula por meio de encaminhamentos didático-pedagógicos com o gênero discursivo narrativa de aventura em uma turma de 7º ano do Ensino Fundamental. Esta pesquisa está vinculada ao PROFLETRAS. Desenvolvida no âmbito da Linguística Aplicada, por meio da pesquisa-ação, elaboramos e implementamos em sala de aula um conjunto de atividades para possibilitar aos alunos participantes a produção escrita com vistas a atender adequadamente a uma situação real de interação que requereu a escrita de narrativas de aventura. Como resultado, observamos que é possível vencer a resistência que os alunos apresentam no momento da produção de textos escritos e que, quando motivados e orientados, eles fazem o exercício de se colocar no lugar de autores, escrevendo com empenho e autonomia.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Carmen Teresinha Baumgärtner, Universidade Estadual do Oeste do Paraná (UNIOESTE)

Doutora em Estudos da Linguagem pela Universidade Estadual de Londrina - UEL, docente do Programa de Pós-Graduação Stricto Sensu em Letras

Lucilene Aparecida Spielmann Schnorr, Universidade Estadual do Oeste do Paraná (UNIOESTE)

Mestranda do Programa de Pós-Graduação Stricto Sensu em Letras

Downloads

Publicado

2017-03-15

Como Citar

BAUMGÄRTNER, C. T.; SPIELMANN SCHNORR, L. A. Ensino da produção textual escrita por meio de narrativas de aventura: uma possibilidade de aplicação em sala de aula. Letras & Letras, [S. l.], v. 32, n. 2, p. 129–157, 2017. DOI: 10.14393/LL63-v32n2a2016-7. Disponível em: https://seer.ufu.br/index.php/letraseletras/article/view/34572. Acesso em: 25 maio. 2022.