A (in)existência de neutralidade: um estudo de caso baseado em corpus com roteiros de audiodescrições francesas de filmes via Teoria da Avaliatividade

Autores

  • Pedro Henrique Lima Praxedes Filho Universidade Estadual do Ceará-UECE
  • Cristiene Ferreira da Silva Universidade Estadual do Ceará Programa de Pós-Graduação em Linguística Aplicada do Centro de Humanidades

DOI:

https://doi.org/10.14393/LL60-v30n2a2014-17

Palavras-chave:

Linguística Aplicada, Estudos Descritivos da Tradução, Tradução Audiovisual, Audiodescrição, Linguística Sistêmico-Funcional, Teoria da Avaliatividade, Linguística de Corpus

Resumo

Este artigo apresenta um estudo que dedicou-se a uma das modalidades da Tradução Audiovisual (TAV) - a que cuida da acessibilidade sociocultural junto às pessoas com deficiência visual -, e que tratou do parâmetro da neutralidade quanto ao registro roteiro de Audiodescrição (AD), buscando investigar, com o auxílio da Linguística de Corpus (LC), a presença ou ausência de interpretação por parte do tradutor/audiodescritor, segundo os fundamentos da Teoria da Avaliatividade (TA), no escopo da Linguística Sistêmico-Funcional (LSF). Os resultados finais alcançados, tal qual as pesquisas que representam o estado da arte, aqui cotejadas, refutaram a existência da neutralidade e da não interpretação prescrita para o trabalho do audiodescritor. No propósito da difusão deste estudo, o presente artigo foi organizado em cinco seções. Na introdução, esclareço a temática, sua inserção epistemológica, os objetivos e a justificativa, na abrangência dos projetos aos quais o estudo está filiado. Na segunda seção abordo os pressupostos teóricos que o fundamentam: tanto no campo dos Estudos da Tradução, quanto na Linguística via LC e TA-LSF. Na terceira seção trato da metodologia, definindo a natureza do estudo, a constituição do corpus e sistematizando os procedimentos para atingir os objetivos com o auxílio da LC. Na sequência, apresento os resultados finais e a discussão que os acompanha. Por fim, na quinta seção, teço considerações quanto aos resultados em vista do amparo teórico adotado, às implicações desses resultados e às sugestões para pesquisas futuras.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Pedro Henrique Lima Praxedes Filho, Universidade Estadual do Ceará-UECE

Curso de Letras Licenciatura em Inglês e Bacharelado em Tradução / Programa de Pós-Graduação em Linguística Aplicada-PosLA (linha: Multilinguagem, Cognição e Interação) do Centro de Humanidades da UECE.

Áreas: Sob o ponto de vista metodológico da Linguística de Corpus e do ponto de vista teórico-metodológico da Linguística Sistêmico-Funcional, Desenvolvimento de Línguas Adicionais (Gramática Sistêmico-Funcional) e Tradução Audiovisual-Audiodescrição (Teoria da Avaliatividade). 

Cristiene Ferreira da Silva, Universidade Estadual do Ceará Programa de Pós-Graduação em Linguística Aplicada do Centro de Humanidades

Mestre em Linguística Aplicada pelo Programa de Pós-Graduação em Linguística Aplicada do Centro de Humanidades da Universidade Estadual do Ceará-UECE

Downloads

Publicado

2014-12-18

Como Citar

PRAXEDES FILHO, P. H. L.; DA SILVA, C. F. A (in)existência de neutralidade: um estudo de caso baseado em corpus com roteiros de audiodescrições francesas de filmes via Teoria da Avaliatividade. Letras & Letras, [S. l.], v. 30, n. 2, p. 367–400, 2014. DOI: 10.14393/LL60-v30n2a2014-17. Disponível em: https://seer.ufu.br/index.php/letraseletras/article/view/27990. Acesso em: 14 ago. 2022.