Processos de formação lexical das línguas românicas e germânicas: uma nova perspectiva teórica

Autores

  • Aldo Luiz Bizzocchi Núcleo de Apoio à Pesquisa em Etimologia e História da Língua Portuguesa da Universidade de São Paulo

DOI:

https://doi.org/10.14393/DL13-v7n1a2013-2

Palavras-chave:

léxico, etimologia, neologia, línguas românicas, línguas germânicas

Resumo

Este artigo discute a dinâmica de formação das unidades que compõem o léxico, notadamente das línguas europeias ocidentais (românicas e germânicas), a partir da identificação dos diversos processos lexicogênicos existentes. Para tanto, reconhecem-se dois tipos básicos de processos: os autogenéticos (herança ou criação interna) e os alogenéticos (empréstimos), cujos subtipos são aqui descritos. Com base na etimologia dos elementos temáticos (radicais e afixos), os itens lexicais de línguas europeias costumam também ser divididos em cultos, semicultos e vulgares. Essa classificação decorre do reconhecimento da profunda influência cultural e, consequentemente, linguística que os idiomas literários da Antiguidade Ocidental (grego e latim clássicos) exerceram sobre as modernas línguas de cultura da Europa, dentre as quais o português. Esta pesquisa procura identificar, por meio de análise empírica sobre um corpus formado de textos de vários gêneros, os processos lexicogênicos presentes nas principais línguas românicas e germânicas, tanto aqueles já descritos anteriormente na literatura especializada quanto alguns novos, que os estudos anteriores ignoravam ou classificavam erroneamente em outras categorias.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Aldo Luiz Bizzocchi, Núcleo de Apoio à Pesquisa em Etimologia e História da Língua Portuguesa da Universidade de São Paulo

Doutor em Semiótica e Linguística Geral pela Universidade de São Paulo, com pós-doutorado pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro sob a supervisão da Prof.ª Dr.ª Darcilia Marindir Pinto Simões, membro dos grupos de pesquisas SELEPROT, GMHP e NEHiLP, e colunista da revista Língua Portuguesa.

Downloads

Publicado

28-06-2013

Como Citar

BIZZOCCHI, A. L. Processos de formação lexical das línguas românicas e germânicas: uma nova perspectiva teórica. Domínios de Lingu@gem, [S. l.], v. 7, n. 1, p. 9–39, 2013. DOI: 10.14393/DL13-v7n1a2013-2. Disponível em: https://seer.ufu.br/index.php/dominiosdelinguagem/article/view/19495. Acesso em: 20 maio. 2022.