A importância do pensamento de Saussure e da teoria de Chomsky para a Linguística Moderna

Autores

DOI:

https://doi.org/10.14393/DL30-v11n3a2017-27

Palavras-chave:

Linguística, Estruturalismo, Gerativismo

Resumo

O presente artigo refletirá sobre a importância do pensamento saussuriano e da teoria linguística de Chomsky, a partir de abordagem bibliográfica de suas propostas acerca da linguagem. Tomar-se-ão como objetos de análise: a) os pontos fundamentais das ideias de Saussure, apresentadas no Curso de Linguística Geral (2006 [1916]), por seus discípulos; b) as delimitações de Chomsky sobre a linguagem, que foram alteradas com o passar do tempo e resultaram em estudos que contribuem para a compreensão da organização sintática das línguas. A revisitação desenvolvida neste trabalho tem como objetivo fazer uma explanação teórica da diferença fundamental entre o pensamento de Saussure e a teoria chomskyana para demonstrar como ambos os pesquisadores abordaram a linguagem; além disso, rememorar a importância das propostas de Chomsky para o desenvolvimento dos estudos linguísticos modernos.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Míriam Silveira Parreira, Universidade Federal de Uberlândia

Doutora em Estudos Linguísticos do Instituto de Letras e Linguística da Universidade Federal de Uberlândia (UFU), mestre em Linguística pela Universidade Federal de Uberlândia (UFU), especialista em Literatura Brasileira pela Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais (PUC) e membro do grupo de pesquisa e estudos em linguagem e subjetividade (GELS/UFU). Atua como professora de Redação na cidade de Uberaba.  

Referências

BLOOMFIELD, L. Language. New York: Holt, 1933.

BORGES NETO, J. O empreendimento gerativo. IN: MUSSALIN, F.; BENTES, A. C. (orgs). Introdução à Lingüística: fundamentes epistemológicos. São Paulo: Cortez, 2004. Vol.3. 93- 129.

CHOMSKY, N. Syntatic structures. Haia: Mouton, 1957.

______. Aspectos da Teoria da Sintaxe. Tradução José Antônio Meireles e Eduardo P. Raposo. 2. ed. Coimbra, Portugal: Armênio Amado Editor, 1965.

______. O Programa Minimalista (trad. Eduardo Raposo). Caminho Coleção Universitária, Série Linguística, 1999.

LYONS, J. Linguagem e linguística: uma introdução. Rio de Janeiro: LTC, 1987.

MATTOSO CÂMARA Jr., J. História da Linguística. Rio de Janeiro: Vozes Ltda., 1975.

MOUNIN, G. A linguística do século XX. Biblioteca de textos universitários. Livraria Martins Fontes, 1972.

SAUSSURE, F. de. Curso de linguística geral. Organização de Charles Bally e Albert Sechehaye com a colaboração de Albert Riedlinger. 24ª ed. São Paulo: Pensamento-Cultrix, 2006.

SILVEIRA, E. M. A Teoria do Valor no Curso de Linguística Geral. In: LETRAS & LETRAS, Uberlândia, Universidade Federal de Uberlândia, Instituto de Letras e Linguística, V.25, N.1, Jan/Jun.2009. 39-54.

TARALLO, F.; KATO, M. Harmonia trans-sistêmica: variação inter- e intra-linguística. Preedição. 5: 1-41, 1989.

Downloads

Publicado

01-10-2017

Como Citar

PARREIRA, M. S. A importância do pensamento de Saussure e da teoria de Chomsky para a Linguística Moderna. Domínios de Lingu@gem, [S. l.], v. 11, n. 3, p. 1024–1044, 2017. DOI: 10.14393/DL30-v11n3a2017-27. Disponível em: https://seer.ufu.br/index.php/dominiosdelinguagem/article/view/36978. Acesso em: 19 maio. 2022.