CoMAprend

a experiência da construção de um corpus de aprendizes para estudos

Autores

DOI:

https://doi.org/10.14393/DL4-v2n2a2008-5

Palavras-chave:

Aprendizes de Línguas, Linguística de Corpus, Corpora de Aprendizes

Resumo

O objetivo deste artigo é mostrar o processo de construção de um site na Internet especialmente criado para reunir textos escritos por alunos dos cursos de línguas inglesa, francesa, alemã, italiana e espanhola numa universidade brasileira para formar um corpus (ou corpora) para pesquisadores. Os aprendizes inserem suas redações no site e o professor/pesquisador pode, então, construir um subcorpus de aprendizes (de acordo com a língua, por exemplo) para estudos específicos e pesquisar o mesmo com ferramentas de análise disponíveis no site (gerador de listas de palavras, concordanciador, gerador de n-gramas) ou exportá-lo para investigação com outras ferramentas de análise lexical off-line.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Stella Esther Ortweiler Tagnin, FFLCH/USP

Professora Associada do Departamento de Letras Modernas (Língua Inglesa) da FFLCH/USP.

Guilherme Fromm, ILEEL/UFU

Professor adjunto do ILEEL/UFU.

Downloads

Publicado

02.02.2011

Como Citar

TAGNIN, S. E. O.; FROMM, G. CoMAprend: a experiência da construção de um corpus de aprendizes para estudos. Domínios de Lingu@gem, Uberlândia, v. 2, n. 2, 2011. DOI: 10.14393/DL4-v2n2a2008-5. Disponível em: https://seer.ufu.br/index.php/dominiosdelinguagem/article/view/11493. Acesso em: 21 fev. 2024.