CONTROLE DA ESTABILIDADE DAS RRNN (PADRAO IBGE) UTILIZANDO NIVELAMENTO GEOMÉTRICO

Conteúdo do artigo principal

Silvio Rogério Correia de Freitas
Pedro Luis Faggion
Zuleica Faria de Medeiros

Resumo

A partir do nivelamento geométrico de primeira ordem o Laboratório de Aferição e Instrumentação Geodésica da UFPR (LAIG) vem estudando o comportamento da estabilidade dos marcos (RRNN), narede científica implantada na UFPR desde o segundo semestre de 1995. Este estudo é justificado emvista nas altas precisões requeridas das redes fundamentais de nivelamento. A rede científica para teste da UFPR abrange uma extensão de 7.3 km, localizando linhas em diferentes condições (declives leves e acentuados e variadas extensões de linhas); ela possui um ponto pertencente à rede do IBGE (com altitude conhecida), possui ainda três tipos de marcos: a) oito marcos padrão IBGE para pontos altimétricos de alta precisão; b) oito marcos modificadosa partir do padrão IBGE,incluindo ferro armado na estrutura e aumento da área de apoio da fundação, implantados no início do projeto; c) oito marcos experimentais de menor estabilidade, como os usualmente empregadosnas redes secundárias.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Métricas

Carregando Métricas ...

Detalhes do artigo

Como Citar
DE FREITAS, S. R. C.; FAGGION, P. L.; DE MEDEIROS, Z. F. CONTROLE DA ESTABILIDADE DAS RRNN (PADRAO IBGE) UTILIZANDO NIVELAMENTO GEOMÉTRICO. Revista Brasileira de Cartografia, [S. l.], v. 49, p. 1–6, 2019. Disponível em: https://seer.ufu.br/index.php/revistabrasileiracartografia/article/view/50025. Acesso em: 22 maio. 2022.
Seção
Artigos

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)

1 2 > >>