O conceito de (re)tradução sob uma abordagem processual: um estudo empírico-experimental baseado em rastreamento ocular

Autores

  • Gleiton Malta Universidade de Brasília

DOI:

https://doi.org/10.14393/LL63-v32n1a2016-15

Palavras-chave:

(Re)tradução. Abordagem processual. Modelagem. Estudo experimental. Rastreamento Ocular

Resumo

Desde o surgimento da hipótese da retradução no início da década de 1990, vários teóricos vêm se debruçando sobre o tema. A maioria dos estudos tem como objetivo principal, averiguar se os textos traduzidos mais recentemente possuem características que os tornem menos assimiladores que os textos traduzidos há mais tempo, em relação com mesmo texto original. Contudo, tanto as pesquisas como o próprio conceito de retradução são baseados no produto tradutório. Este artigo apresenta o conceito de (re)tradução sob uma abordagem processual. Para tanto, lançou mão de um estudo empírico-experimental no qual catorze participantes, todos com alguma experiência em tradução, tiveram seu processo capturado em tempo real por equipamento de rastreamento ocular. Como resultado, propõem-se, além das definições de (re)tradução, como tarefa e como processo, um modelo do processo de (re)tradução baseado nos dados de rastreamento ocular. (Re)visitar a retradução com os olhos do processo, possibilitou a extração e análise de dados ainda não explorados pela literatura e que, futuramente, poderão ser utilizados em novas pesquisas processuais tanto na rama pura como na aplicada do campo disciplinar dos Estudos da Tradução, mais especificamente, pela didática da tradução. 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Gleiton Malta, Universidade de Brasília

Mestre em Linguísrica Aplicada pela Universidade de Brasília e doutor também em Linguística Aplicada pela Universidade Federal de Minas Gerais, atualmente é professor do Departamento de Línguas Estangeiras e Tradução do Instituto de Letras da Universidade de Brasília, lecionando no curso de Bacharelado em Tradução português-espanhol. Dedica-se ao estudo do processo tradutório com ênfase em processamento cognitivo, retradução e didática da tradução.

Downloads

Publicado

2016-08-21

Como Citar

MALTA, G. O conceito de (re)tradução sob uma abordagem processual: um estudo empírico-experimental baseado em rastreamento ocular. Letras & Letras, Uberlândia, v. 32, n. 1, p. 283–305, 2016. DOI: 10.14393/LL63-v32n1a2016-15. Disponível em: https://seer.ufu.br/index.php/letraseletras/article/view/33126. Acesso em: 14 abr. 2024.