ANÁLISE DO DESEMPENHO DE MODELOS DE ALBEDO DA SUPERF͍CIE EM ÁREAS DE CANA-DE-AÇÚCAR COM DADOS DO SENSOR MODIS/TERRA

Conteúdo do artigo principal

Bruno Silva Oliveira
Elisabete Caria Moraes
Bernardo Friedrich Theodor Rudorff
Guilherme Augusto Verola Mataveli

Resumo

A cana-de-açúcar é uma cultura de grande importância no Brasil, com uma intensa expansão na região Centro-Sul na última década, principalmente devido à crescente demanda de etanol a partir de 2003. Esse cenário exige que se avaliem os impactos gerados pela expansão da cultura no balanço de radiação e nos fluxos de energia na superfície, que estão intrinsecamente relacionados com os parâmetros de superfície como o albedo. O albedo de superfície é uma das variáveis críticas na modelagem do balanço de radiação, variando em função das transformações no uso e cobertura da terra e das condições de umidade do solo, com impacto direto no balanço de energia e no clima. Na modelagem do albedo com dados de sensoriamento remoto, diferentes metodologias podem gerar resultados diferentes entre si, dependendo de fatores intrínsecos ao alvo ou ao próprio sistema sensor. Nesse contexto, este estudo teve como objetivo avaliar as estimativas do albedo de superfície segundo os modelos de Liang (2000) e Tasumi et al. (2008) para as safras 2005/06 e 2006/07 de uma plantação de cana-de-açúcar, considerando como verdade terrestre os dados meteorológicos obtidos no sítio experimental do município Luís Antônio - SP em área de cana-de-açúcar. O modelo de Liang (2000) apresentou melhor desempenho, ainda que tenha subestimado o albedo em 19% durante as duas safras avaliadas, enquanto o modelo de Tasumi et al. (2008) subestimou em 24%. Nas fases de crescimento e maturação da cultura, onde há menor influência do solo na reflectância, os modelos de Liang e Tasumi subestimaram, respectivamente, 9% e 16%.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Métricas

Carregando Métricas ...

Detalhes do artigo

Como Citar
OLIVEIRA, B. S.; MORAES, E. C.; RUDORFF, B. F. T.; MATAVELI, G. A. V. ANÁLISE DO DESEMPENHO DE MODELOS DE ALBEDO DA SUPERF͍CIE EM ÁREAS DE CANA-DE-AÇÚCAR COM DADOS DO SENSOR MODIS/TERRA. Revista Brasileira de Cartografia, [S. l.], v. 67, n. 3, 2015. Disponível em: https://seer.ufu.br/index.php/revistabrasileiracartografia/article/view/44645. Acesso em: 23 maio. 2022.
Seção
Artigos

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)

1 2 > >>