Heterogeneidade discursiva no discurso de divulgação científica

uma análise a partir de textos da Revista Língua Portuguesa

Autores

  • Roziane Keila Grando Universidade Estadual do Centro-Oeste
  • Maicon Souza Universidade Estadual do Centro-Oeste http://orcid.org/0000-0003-1776-5686
  • Osmar Ambrósio de Souza Universidade Estadual do Centro-Oeste

DOI:

https://doi.org/10.14393/DL33-v12n1a2018-26

Palavras-chave:

Heterogeneidade mostrada, Heterogeneidade constitutiva, Discurso de divulgação científica, Movimentos do sujeito.

Resumo

O presente artigo busca compreender o funcionamento do discurso de divulgação científica, tomando como corpus de análise duas publicações da revista Língua Portuguesa acerca do tema “Redação do Enem”. Partindo da concepção de ciência enquanto prática social e ideológica, tendo como referencial teórico a Análise de Discurso de linha francesa (PECHEUX, 1997; ORLANDI, 2001), a preocupação foi fundamentada no modo como os diferentes sujeitos - o cientista, o jornalista e o leitor - se movimentam, isto é, se constituem no discurso de divulgação científica, sendo interpelados tanto pelo poder/verdade da ciência, quanto pelo poder/verdade da mídia. O foco na compreensão da caracterização do discurso de divulgação científica como um espaço discursivo intervalar, evidência do entrecruzamento de diferentes sujeitos e as diferentes ordens de saberes, as diferentes posições-sujeito que esses sujeitos ocupam, bem como as instituições que eles representam, o que atesta a constituição heterogênea desse discurso. Como resultado, ficou constatado que todo discurso é atravessado por outros discursos, e que o sentido sobre o que deve ou não ser avaliado nas produções dos candidatos às provas do Enem está diretamente relacionado ao entrecruzamento das vozes dos especialistas, que estão presentes nesses enunciados heterogêneos.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Roziane Keila Grando, Universidade Estadual do Centro-Oeste

Professora Mestre-Assistente de Letras da Unicentro

Maicon Souza, Universidade Estadual do Centro-Oeste

Professor Mestre-Assistente de Comunicação Social da Unicentro

Osmar Ambrósio de Souza, Universidade Estadual do Centro-Oeste

Professor Doutor-Títular de Pesquisa e Estatística da Unicentro

Referências

AUTHIER-REVUZ, J. Heterogeneité montrée et heterogeneité constitutive: elements pour une approche de láutre dans Le discours. In: DRLAV – Revue de Linguistique. Paris, 1982, p. 91-151.

_____. Heterogeneidade enunciativa. Cadernos de estudos linguísticos, 19. Campinas: IEL, 1990.

_____. Palavras incertas – As não-coincidências do dizer. Campinas: Editora da UNICAMP, 1998.

_____. Heterogeneidade mostrada e heterogeneidade constitutiva: elementos para uma abordagem do outro no discurso. In: Entre a transparência e a opacidade: um estudo enunciativo do sentido. Porto Alegre: EDIPUCRS, 2004. p. 11-80.

BARBOSA, M. S. A heterogeneidade discursiva em Revistas de divulgação científica. 2008. 278 f. Tese (Doutorado em Linguistica Aplicada) Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2008. Disponível em: ftp://ftp.ufrn.br/pub/biblioteca/ext/bdtd/MariaSMFB.pdf. Acesso em: 20 de fevereiro de 2015.

CAMPOS, M. M. Educação infantil: o debate e a pesquisa. Cadernos de Pesquisa, São Paulo, n. 101, p. 113-127, jul. 1997.

CORTES, G. R. O. Efeitos da memória da ciência no discurso de divulgação científica: uma análise do Sienceblogs Brasil In. VI COLÓQUIO DO MUSEU PEDAGÓGICO, 2013. Itapetinga. Anais. Itapetinga. Disponível em: http://periodicos.uesb.br/index.php/cmp/article/viewFile/2097/1784. Acesso em: 18 de fevereiro de 2014.

FOUCAULT, M. Estratégia, Poder-Saber. Organização de textos de Manoel Barros da Motta. Tradução de Vera Lucia Avellar Ribeiro. Rio de Janeiro: Forense Universitária, 2003.

GRIGOLETTO, E. O discurso de divulgação científica: um espaço discursivo intervalar. 2005. 269 f. Tese (Doutorado em Letras) Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, 2005.

______. Do lugar discursivo à posição-sujeito: os movimentos do sujeito jornalista no discurso de divulgação científica. In: PRÁTICAS DISCURSIVAS IDENTITÁRIAS: SUJEITO E LÍNGUA. Porto Alegre: Anais, 2008.

GRANDO, R. K.; VENTURINI, M. C. Deslocamentos do sujeito-jornalista no discurso de divulgação científica. Linguasagem, São Carlos, n.12 ed, abril, 2010. Disponível em: http://www.letras.ufscar.br/linguasagem/edicao12/. Acesso em: 12 de abril de 2015.

MARIANI, B. C. Sobre um percurso de análise do discurso jornalístico - A revolução de 30. In: INDURSKY, F. E.; FERREIRA, M. C. L. (orgs). Os múltiplos territórios da Análise do Discurso. Porto Alegre: Luzzatto, 1999, p. 102- 121.

MOURA, M. B. S. Memória discursiva em Foucault. In: Biblioteca on-line de ciência da comunicação, 2008. Disponível em: http://www.bocc.uff.br/pag/moura-maria-betania-memoria-discursiva-em-foucault.pdf.2008. Acesso em: 8 setembro 2010.

ORLANDI, E. P. Terra à vista. Discurso do Confronto: Velho e Novo Mundo. Campinas, SP: Ed. da Unicamp, 1990.

______. Análise de discurso: princípios e procedimentos. Campinas, SP: Pontes, 1999.

______. Discurso e Texto. Formulações e Circulação dos Sentidos. Campinas-SP: Pontes, 2001.

PÊCHEUX, M. Semântica e discurso: uma crítica a afirmação do óbvio. Trad. Eni P. Orlandi. 2. ed. Campinas, SP: UNICAMP, 1975.

VENTURINI, M. C. Imaginário urbano: espaço de rememoração/comemoração. Passo Fundo: Ed. Universidade de Passo Fundo, 2009.

ZAMIN, A; SCHWAAB, R. T. Relações entre lugar discursivo e efeitos de sentido no discurso jornalístico. Estudos em jornalismo e mídia. v. 4, nº 1., 2007. Disponível em: https://periodicos.ufsc.br/index.php/jornalismo/article/view/2221. Acesso em: 22 de fevereiro de 2014.

Downloads

Publicado

06-04-2018

Como Citar

GRANDO, R. K.; SOUZA, M.; SOUZA, O. A. de. Heterogeneidade discursiva no discurso de divulgação científica: uma análise a partir de textos da Revista Língua Portuguesa. Domínios de Lingu@gem, [S. l.], v. 12, n. 1, p. 743–764, 2018. DOI: 10.14393/DL33-v12n1a2018-26. Disponível em: https://seer.ufu.br/index.php/dominiosdelinguagem/article/view/38640. Acesso em: 8 ago. 2022.