Argumentação e autoria nas produções textuais escritas na escola

Autores

  • Fabiana Claudia Viana Borges Fundação Educacional de Ituverava
  • Thaís Silva Marinheiro Fundação Educacional de Ituverava

Palavras-chave:

Leitura, Escrita, Paráfrase, Polissemia, Vestibular, Autoria

Resumo

Pretende-se, com este artigo, embasado pela teoria da Análise de Discurso francesa, apresentar análises de textos escritos produzidos por alunos em fase de preparação para o vestibular, focando na assunção e/ou interdição da autoria. Para isso, as condições de produção dadas foram relevantes para as análises, isto é, o “Curso Preparatório para o Vestibular”, trabalho de caráter voluntário, oferecido aos alunos de 3º ano do Ensino Médio da Escola Estadual Capitão Antônio Justino Falleiros, na cidade de Ituverava, espaço esse que permitiu observar como o trabalho com textos de diferentes tipologias e como as correções realizadas pelo professor, considerado como o corretor do texto, contribuem, ou não, para a produção de textos polissêmicos.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Fabiana Claudia Viana Borges, Fundação Educacional de Ituverava

Professora em Letras, na Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ituverava-SP

Thaís Silva Marinheiro, Fundação Educacional de Ituverava

Graduanda em Letras, pela Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ituverava-SP.

Downloads

Publicado

04-02-2011

Como Citar

BORGES, F. C. V.; MARINHEIRO, T. S. Argumentação e autoria nas produções textuais escritas na escola. Domínios de Lingu@gem, [S. l.], v. 4, n. 2, p. 71–95, 2011. Disponível em: https://seer.ufu.br/index.php/dominiosdelinguagem/article/view/11538. Acesso em: 17 maio. 2022.