Tecendo um percurso para análise da enunciação em língua adicional e seus aspectos considerando a dimensão antropológica da teoria enunciativa de Émile Benveniste

Autores

  • Bruna Sommer Sommer Farias UFRGS

DOI:

https://doi.org/10.14393/DL15-v8n1a2014-21

Palavras-chave:

Teoria da Enunciação, , Antropologia da Enunciação

Resumo

Com vistas a propor um encaminhamento para um percurso teórico-metodológico para análise da enunciação em língua adicional, o presente artigo embasa tal proposta através da discussão das leituras realizadas por Gerard Dessons (2006) sobre o viés antropológico da teoria enunciativa de Émile Benveniste, e por Aya Ono (2007) sobre os aspectos da enunciação. O foco das reflexões se dá na relação entre as noções de língua, sociedade e cultura em Benveniste e na influência de tal imbricação para o processo de aquisição e enunciação da língua adicional. 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Métricas

Carregando Métricas ...

Downloads

Publicado

30.06.2014

Como Citar

SOMMER FARIAS, B. S. Tecendo um percurso para análise da enunciação em língua adicional e seus aspectos considerando a dimensão antropológica da teoria enunciativa de Émile Benveniste. Domínios de Lingu@gem, Uberlândia, v. 8, n. 1, p. 381–398, 2014. DOI: 10.14393/DL15-v8n1a2014-21. Disponível em: https://seer.ufu.br/index.php/dominiosdelinguagem/article/view/24701. Acesso em: 23 jul. 2024.