A crônica jornalística e o pronome pessoal nós em perspectiva enunciativa

Autores

  • Nara Augustin Gehrke Universidade Federal de Santa Maria (UFSM)
  • Noara Bolzan Martins Universidade Federal de Santa Maria

DOI:

https://doi.org/10.14393/DL15-v8n1a2014-24

Palavras-chave:

Gêneros Discursivos, Enunciação, Crônica Jornalística, Emprego dos pronomes pessoais

Resumo

O artigo apresenta um estudo de uma crônica jornalística para descrever seu funcionamento enquanto gênero discursivo e para analisar o jogo enunciativo posto em andamento através do emprego dos pronomes pessoais, especialmente do pronome nós.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Nara Augustin Gehrke, Universidade Federal de Santa Maria (UFSM)

Professora Assistente do Departamento de Letras Vernáculas da UFSM, atua como docente na área de Língua Portuguesa e realiza doutoramento em Linguística/ Gramática Sistêmico-Funcional no programa da instituição.

Noara Bolzan Martins, Universidade Federal de Santa Maria

Mestranda no Programa de Pós-graduação da UFSM, na área de Linguística/ Gramática Sistêmico-Funcional.

Downloads

Publicado

30.06.2014

Como Citar

GEHRKE, N. A.; MARTINS, N. B. A crônica jornalística e o pronome pessoal nós em perspectiva enunciativa. Domínios de Lingu@gem, Uberlândia, v. 8, n. 1, p. 422–438, 2014. DOI: 10.14393/DL15-v8n1a2014-24. Disponível em: https://seer.ufu.br/index.php/dominiosdelinguagem/article/view/24646. Acesso em: 26 maio. 2024.