A Linguagem Visual na Web: o uso de signos não verbais nos websites

Autores

  • Glayse Ferreira Perroni da Silva Universidade de Taubaté

Palavras-chave:

Linguagem visual, Web, Websites, Signos não verbais.

Resumo

O presente artigo tem o objetivo de discutir o uso da linguagem visual na Web e de identificar os signos não verbais que aparecem nos websites. Foram capturadas imagens das páginas de dois sites disponíveis na Internet, o da Google e o da Folha.com. Com isto, foi feita uma análise dos casos de ocorrência da linguagem visual, utilizando a metodologia baseada em Joly (2003) e alguns preceitos de Dondis (2003), Aumont (1993) e Filho (2009). Os resultados do estudo mostraram que quanto mais informação o site disponibiliza, mais signos não verbais ele usa Percebeu-se que todos os signos visuais comunicam uma mensagem, que pode ser uma referência a uma ação, um complemento ou reforço a um signo verbal ou uma manifestação do estilo do site. O tipo de conteúdo que se deseja expressar, a forma como ele deve ser expresso e o público a quem se destina são fatores determinantes no uso da linguagem visual. Os resultados também mostraram que os signos não verbais são significantes e que eles contêm um sentido implícita ou explicitamente expresso, o qual deve ser interpretado pelo seu receptor.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Glayse Ferreira Perroni da Silva, Universidade de Taubaté

Sou formada em Ciência da Computação pela Universidade Federal de Itajubá, especialista em Design Instrucional em EaD Virtual também pela Universidade Federal de Itajubá e atualmente sou aluna do curso de mestrado em Linguística Aplicada da Universidade de Taubaté.

Downloads

Publicado

05-07-2011

Como Citar

PERRONI DA SILVA, G. F. A Linguagem Visual na Web: o uso de signos não verbais nos websites. Domínios de Lingu@gem, [S. l.], v. 5, n. 1, p. 160–173, 2011. Disponível em: https://seer.ufu.br/index.php/dominiosdelinguagem/article/view/12430. Acesso em: 18 maio. 2022.