AS TENSÕES QUE PRESIDIRAM A CONSTRUÇÃO DA CIÊNCIA MODERNA E OS MODOS CONTEMPORÂNEOS DE PRODUÇÃO DO CONHECIMENTO CIENTíFICO - ISAIAS PESSOTTI

Autores

  • Eliane Marta Teixeira Lopes Universidade Federal de Ouro Preto (UFOP)
  • Luciano Mendes de Faria Filho Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG)

Palavras-chave:

Conhecimento científico, Ciência moderna, Isaias Pessotti

Resumo

Este trabalho tem por objetivo analisar as relações entre literatura, história da ciência e relação com conhecimento nos romances históricos escritos pelo cientista e professor brasileiro Isaias Pessotti. Para tanto, problematizamos a literatura como fonte para a história, estabelecemos o contexto de aparecimentos das obras e os indícios que apresentam para uma análise histórica da ciência e do conhecimento. O trabalho analisa, mais especificamente, os romances Aqueles cães malditos de Arquelau (1993) e Manuscritos de Mediavilla (1995) em que o autor constrói tramas que põem em movimento e em relações, personagens que mantêm estreitas relações com os modos, científicos ou não, da produção de conhecimentos. E, mais do que isto, as histórias construídas por Isaias Pessotti buscam, também, dialogar com a história das ciências, oferecendo ao leitor a possibilidade de conhecer as ten- sões que presidiram a construção da ciência moderna e os modos contemporâneos de produção do conhecimento científico.

 

 

 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Métricas

Carregando Métricas ...

Biografia do Autor

Eliane Marta Teixeira Lopes, Universidade Federal de Ouro Preto (UFOP)

Doutora em Filosofia da Educação pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC/SP). Professora Titular da Universidade Federal de Ouro Preto (UFOP). 

 

Luciano Mendes de Faria Filho, Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG)

Doutor em Educação pela Universidade de São Paulo (USP). Professor Titular da Faculdade de Educação da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG).

 

Referências

ALMOYNA, J.M. Dicionário de Espanhol-Português. Porto: Porto Editora. 1951.

BARTHES, R. Aula: aula inaugural da cadeira de Semiologia Literária do Colégio de França. Pronunciada dia 7 de janeiro de 1977. Tradução e posfácio de Leyla Perrone-Moisés. São Paulo: Cultriz; Grupo Digital Source. Disponível em <https://edisciplinas.usp.br/pluginfile.php/160637/mod_re-source/content/1/BARTHES_Roland_-_Aula.pdf>.

BURKE, P. Uma história social do conhecimento: de Gutenberg a Diderot. Rio de Janeiro: Jorge Zahar Ed. 2003.

FERREIRA, M. dos S. O Centro Regional de Pesquisas Educacionais de São Paulo (1956-1961). Dissertação de Mestrado em Educação. Universidade de São Paulo. São Paulo, 2001.

PESSOTTI, I. Aqueles cães malditos de Arquelau. Rio de Janeiro: Ed. 34. 1993.

PESSOTTI, I. O Manuscrito de Medivilla. Rio de Janeiro: Ed. 34. 1995.

SPITZER, Pe. C. Dicionario Analogico da Lingua Portugueza. Porto Alegre: Editora Globo, 1936.

Downloads

Publicado

2018-09-17

Como Citar

Lopes, E. M. T., & Filho, L. M. de F. (2018). AS TENSÕES QUE PRESIDIRAM A CONSTRUÇÃO DA CIÊNCIA MODERNA E OS MODOS CONTEMPORÂNEOS DE PRODUÇÃO DO CONHECIMENTO CIENTíFICO - ISAIAS PESSOTTI. Revista Educação E Políticas Em Debate, 5(1). Recuperado de https://seer.ufu.br/index.php/revistaeducaopoliticas/article/view/44570

Edição

Seção

Artigos