ESTUDO DO COMPORTAMENTO DA CINTILAÇÃO IONOSFÉRICA EM DIFERENTES REGIÕES BRASILEIRAS E SEU IMPACTO NO POSICIONAMENTO GNSS

Conteúdo do artigo principal

Jéssica Saldanha Souza
Daniele Barroca Marra Alves
Bruno César Vani

Resumo

Existem irregularidades na ionosfera que afetam a propagação dos sinais GNSS (Global Navigation Satellite System), como a cintilação ionosférica. A cintilação ionosférica pode ser descrita como uma mudança rápida na fase e amplitude do sinal GNSS, causada por irregularidades da densidade dos elétrons ao longo do caminho percorrido pelo sinal. A cintilação pode enfraquecer ou até mesmo causar a perda total do sinal GNSS recebido pelos receptores. Uma das iniciativas para estudar e analisar os efeitos da cintilação ionosférica no Brasil é o projeto CIGALA (Concept for Ionospheric Scintillation Mitigation for Professional GNSS in Latin America) (http://cigala.galileoic.org/) e em continuidade o projeto CALIBRA (Countering GNSS high Accuracy applications Limitations due to Ionospheric disturbances in BRAzil). Tais projetos visam analisar os efeitos da cintilação, com o intuito de compreender suas causas e estudar estes efeitos para a modelagem da cintilação e para o aperfeiçoamento de novas técnicas a serem implementadas nos receptores GNSS. Neste artigo pretende-se avaliar o efeito da ionosfera, em especial da cintilação ionosférica, em diferentes regiões do território brasileiro, além disso avaliar o impacto desse efeito no Posicionamento por Ponto. Estudos dessa natureza tem grande relevância, pois, nos anos de 2013 e 2014 vem ocorrendo um pico de atividade solar (http://solarscience.msfc.nasa.gov/predict.shtml), o que torna os efeitos da ionosfera, e consequentemente da cintilação, ainda mais significativos, principalmente na região do Brasil, onde já existe um alto índice de cintilação até mesmo para períodos considerados mais brandos no que se refere a cintilação ionosférica. Os resultados obtidos nesse artigo mostraram que no mês de outubro, considerado um período de forte cintilação, o Posicionamento por Ponto é mais afetado pela cintilação do que no mês de junho, período considerado de baixa cintilação, sendo o horário do dia de maior ocorrência das 0 às 6h TU (Tempo Universal).

Downloads

Não há dados estatísticos.

Métricas

Carregando Métricas ...

Detalhes do artigo

Como Citar
SOUZA, J. S.; ALVES, D. B. M.; VANI, B. C. ESTUDO DO COMPORTAMENTO DA CINTILAÇÃO IONOSFÉRICA EM DIFERENTES REGIÕES BRASILEIRAS E SEU IMPACTO NO POSICIONAMENTO GNSS. Revista Brasileira de Cartografia, [S. l.], v. 67, n. 1, 2015. Disponível em: https://seer.ufu.br/index.php/revistabrasileiracartografia/article/view/44729. Acesso em: 13 ago. 2022.
Seção
Artigos
Biografia do Autor

Daniele Barroca Marra Alves

Professora Assistente Doutora do Departamento de Cartografia da FCT/UNESP

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)

1 2 > >>