RESPOSTA ESPECTRAL DE DOSSÉIS DE SOJA EM FUNÇÃO DE CONCENTRAÇÕES DE CLOROFILAS

Conteúdo do artigo principal

Joceli Augusto Gross
Felipe Correa dos Santos
Gustavo Rodrigues Toniolo
William Gaida
Waterloo Pereira Filho
Fabio Marcelo Breunig

Resumo

O objetivo foi avaliar as mudanças na resposta espectral da soja frente a evolução da concentração de cloroï¬la na cultura da soja. O estudo foi conduzido em uma área experimental com as variedade BMX POTÊNCIA RR e CD 219 RR. Foram realizadas quatro campanhas de campo para a coleta de dados espectrais e de folíolos de soja para a determinação das concentrações de cloroï¬las. Sobre os dados foram aplicadas as análises de correlação e ANOVA para avaliar a diferença entre as coletas e estimar a concentração de cloroï¬la a partir de dados espectrais. Os resultados mostraram uma diminuição da concentração de cloroï¬la de dois meses após o plantio até o quarto mês. A reflectância diminuiu com a diminuição da concentração de cloroï¬la principalmente nas faixas de 450 nm à 520 nm e de 630 nm à 690 nm. A reflectância da soja é alterada signiï¬cativamente (α=0,05) pela variação da concentração de cloroï¬la principalmente nos comprimentos de onda de 520 nm, 631 nm e 690 nm. A variedade de ciclo longo CD 219 RR apresentou uma diminuição da reflectância do segundo ao quarto mês. A BMX POTÊNCIA RR (ciclo curto) teve um leve aumento da reflectância do vermelho do terceiro para o quarto mês. Diferenças sutis entre variedades de ciclo curto e longo foram capturadas pela espectrorradiometria especialmente na faixa espectral entre o verde e o vermelho. As análises de correlação mostraram que é possível estimar a concentração de cloroï¬la-b, com acurácia de até 82%, utilizando o comprimento de onda de 555 nm.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Métricas

Carregando Métricas ...

Detalhes do artigo

Como Citar
GROSS, J. A.; DOS SANTOS, F. C.; TONIOLO, G. R.; GAIDA, W.; PEREIRA FILHO, W.; BREUNIG, F. M. RESPOSTA ESPECTRAL DE DOSSÉIS DE SOJA EM FUNÇÃO DE CONCENTRAÇÕES DE CLOROFILAS. Revista Brasileira de Cartografia, [S. l.], v. 68, n. 7, 2016. DOI: 10.14393/rbcv68n7-44368. Disponível em: https://seer.ufu.br/index.php/revistabrasileiracartografia/article/view/44368. Acesso em: 9 dez. 2022.
Seção
Artigos
Biografia do Autor

Joceli Augusto Gross, UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (UFSM)

Centro de Ciências Naturais e Exatas; Departamento de Geografia Avenida Roraima, 1000 - Cidade Universitária - CEP 97105-900,Bairro Camobi, Santa Maria, RS, Brasil

Felipe Correa dos Santos, UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (UFSM)

Centro de Ciências Naturais e Exatas; Departamento de Geografia Avenida Roraima, 1000 - Cidade Universitária - CEP 97105-900,Bairro Camobi, Santa Maria, RS, Brasil

Gustavo Rodrigues Toniolo, Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS)

Centro Estadual de Pesquisas em Sensoriamento Remoto e Meteorologia Avenida Paulo Gama, nº 110, Bairro Farroupilha, Porto Alegre, RS, Brasil

William Gaida, UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (UFSM)

Centro de Ciências Naturais e Exatas; Departamento de Geografia Avenida Roraima, 1000 - Cidade Universitária - CEP 97105-900,Bairro Camobi, Santa Maria, RS, Brasil

Waterloo Pereira Filho, UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (UFSM)

Centro Estadual de Pesquisas em Sensoriamento Remoto e Meteorologia Avenida Paulo Gama, nº 110, Bairro Farroupilha, Porto Alegre, RS, Brasil

Fabio Marcelo Breunig, UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA (UFSM)

Centro Estadual de Pesquisas em Sensoriamento Remoto e Meteorologia Avenida Paulo Gama, nº 110, Bairro Farroupilha, Porto Alegre, RS, Brasil

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)