A ruralidade construída na agricultura em Piedade e Pilar do Sul-SP

Autores

  • Erika Vanessa Moreira Doutoranda em Geografia no Programa de Pós Graduação em Geografia, UNESP de Presidente Prudente.
  • Rosangela Aparecida de Medeiros Hespanhol Docente no Departamento de Geografia da UNESP de Presidente Prudente.

DOI:

https://doi.org/10.14393/RCT81617811

Palavras-chave:

Ruralidade, Agricultura, Diversificação e especialização produtiva

Resumo

A agricultura é o elemento importante na economia dos municípios de Piedade e Pilar do Sul. A incorporação desses municípios no cinturão verde metropolitano de São Paulo permitiu uma agricultura diversificada em Piedade e semi-especializada em Pilar do Sul. Consideramos que a ruralidade contemporânea é construída e reconstruída com o fortalecimento da agricultura e com as novas demandas urbanas de lazer e de consumo. O objetivo central deste artigo é realizar uma analise da ruralidade contemporânea, entendida como uma identidade construída e vivida no cotidiano das relações espaciais no meio rural. A construção da ruralidade está baseada em elementos econômicos, sociais e culturais. Palavras-chave: ruralidade, agricultura, diversificação e especialização produtiva.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Erika Vanessa Moreira, Doutoranda em Geografia no Programa de Pós Graduação em Geografia, UNESP de Presidente Prudente.

Doutoranda em Geografia. Tutora on line do Projeto Redefor e membro do GEDRA ( Grupo de Estudo Dinamica Regional e Agropecuária).

Rosangela Aparecida de Medeiros Hespanhol, Docente no Departamento de Geografia da UNESP de Presidente Prudente.

Professora Doutora dos Cursos de Graduação e Pós Graduação em Geografia, UNESP de Presidente Prudente. Coordenadora do GEDRA (Grupo Estudo Dinâmica Regional e Agropecuária).

Downloads

Publicado

19-08-2013

Como Citar

MOREIRA, E. V.; HESPANHOL, R. A. de M. A ruralidade construída na agricultura em Piedade e Pilar do Sul-SP. Revista Campo-Território, Uberlândia, v. 8, n. 16 Ago., p. 280–314, 2013. DOI: 10.14393/RCT81617811. Disponível em: https://seer.ufu.br/index.php/campoterritorio/article/view/17811. Acesso em: 15 jul. 2024.

Edição

Seção

Artigos

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)

1 2 > >>