Identidades presumidas e a dinâmica do reconhecimento no conto “The brothers”, de Lysley Tenorio

Autores

  • Juliana Cássia Müller Universidade Federal de Santa Maria (UFSM)

DOI:

https://doi.org/10.14393/AM-v18n2-2021-63014

Palavras-chave:

Identidade, Lysley Tenorio, Monstress, Reconhecimento

Resumo

Este artigo pretende discutir a dinâmica do reconhecimento em identidades que fogem daquilo presumido pelos grupos hegemônicos. Para isso, utiliza-se o conceito de identidade presumida de Palumbo-Liu (2000), apoiado nos discursos de Appiah (2018) sobre as expectativas de membros inseridos na vida em sociedade e seus estereótipos, e de Bauman (1995) sobre a ordem que circunda as esferas sociais. A partir da análise, compreende-se que os três personagens escolhidos representam movimentos distintos na dinâmica do reconhecimento, noção discutida por Honneth (2003), em que evidenciam-se uma luta pelo reconhecimento do eu verdadeiro, a incapacidade de conceber o outro como alguém fora dos ideais e imaginados e, por fim, o início do reconhecimento de uma gênese do si que foge dos padrões esperados.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Juliana Cássia Müller, Universidade Federal de Santa Maria (UFSM)

Graduanda do curso de Letras - Português (Licenciatura) pela Universidade Federal de Santa Maria/UAB e professora de inglês na House - English for Life. Licenciada em Letras - Inglês e suas Literaturas na Universidade Federal de Santa Maria. Participa do grupo "Literatura e Identidade". (Texto retirado do currículo Lattes)

Referências

APPIAH, Kwame Antonhy. The Lies That Bind: Rethinking Identity. Londres: Liveright Publishing Corporation, 2018.

BAUMAN, Zygmunt. Modernidade e ambivalência. Tradução de Marcus Penchel. Rio de Janeiro: Jorge Zahar Editor, 1999.

CHAE, Youngsuk. Politicizing Asian American Literature: Towards a Critical Multiculturalism. Nova Iorque: Routledge, 2008.

LEE, Rachel C. The Americas of Asian American literature: gendered fictions of nation and transnation. Nova Jersey: Princeton University Press, 1999.

MATHIAS, Dionei. 'Todo poder à imaginação' : concepção e concretização de alteridade. Scripta Uniandrade, v. 11, p. 97-112, 2013.

MATHIAS, Dionei. Literatura e fluxos migratórios em contextos anglófonos: sobre a gênese discursiva de um campo de pesquisa. In: Scripta Uniandrade, v. 16, p. 225-238, 2018.

MATHIAS, Dionei. Imigração e resistência. Revista Estudos Feministas, v. 28, n. 1, p. 1-10, 2020.

HONNETH, Axel. Luta por reconhecimento: A gramática moral dos conflitos sociais. Tradução de Luís Repa. São Paulo: Editora 34, 2003.

PALUMBO-LIU, David. Assumed Identities. New Literary History, v. 31, n. 4, p. 765-780, 2000.

TENORIO, Lysley. Monstress. Nova Iorque: Ecco Press, 2012.

Downloads

Publicado

02.11.2021