Para uma explicação do conceito de poder em Hannah Arendt à partir de J. Habermas

Autores

  • Eduardo Ferreira Chagas Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG)

DOI:

https://doi.org/10.14393/REVEDFIL.v9n18a1995-990

Resumo

Este pequeno trabalho não pretende, de modo algum, constituir uma apresentação exaustiva da acepção de poder de Hanna Arendt a partir de J. Habermas; temos apenas a intenção de explicitar alguns elementos configuradores da temática em questão. Nele explicaremos, inicialmente, o debate entre M. Weber, T. Parsons e Hannah Arendt sobre a conceituação de poder, em seguida analisaremos a definição comunicativa do poder em Hannah Arendt e, por último, mostraremos os limites teóricos dessa autora. [...] 

Palavras-chave: Hannah Arendt; Poder; J. Habermas

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Eduardo Ferreira Chagas, Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG)

Mestre em Filosofia pela Universidade Federal de Minas Gerais - UFMG

Downloads

Publicado

2008-10-23

Como Citar

CHAGAS, E. F. Para uma explicação do conceito de poder em Hannah Arendt à partir de J. Habermas. Educação e Filosofia, Uberlândia, v. 9, n. 18, p. 81–91, 2008. DOI: 10.14393/REVEDFIL.v9n18a1995-990. Disponível em: https://seer.ufu.br/index.php/EducacaoFilosofia/article/view/990. Acesso em: 23 fev. 2024.