FREITAS, Luís Carlos. Crítica da organização do trabalho pedagógico e da didática. Campinas: SP, Papirus, 1995.

Autores

  • Maria Clarisse Vieira

DOI:

https://doi.org/10.14393/REVEDFIL.v12n24a1998-858

Resumo

No calor dos debates educacionais dos últimos anos, temas como a formação docente, prática pedagógica e organização do trabalho escolar e pedagógico ocupam lugar de destaque na produção de Luís Carlos Freitas. Nesta produção, a obra Crítica da organização do trabalho de escola e da didática é ponto de referência para a compreensão das suas ideias e proposições. A obra é resultado da tese de livre docência, defendida em 1994 na Unicamp, resgatando, nas palavras do autor, "o que resistiu aos debates nos últimos dez ans no campo da didática". [...]

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Maria Clarisse Vieira

Aluna do Programa de Mestrado em Educação da Universidade Federal de Uberlândia.

Downloads

Publicado

2008-09-22

Como Citar

Vieira, M. C. (2008). FREITAS, Luís Carlos. Crítica da organização do trabalho pedagógico e da didática. Campinas: SP, Papirus, 1995. EDUCAÇÃO E FILOSOFIA, 12(24), 294–301. https://doi.org/10.14393/REVEDFIL.v12n24a1998-858