Formação continuada docente: a perspectiva de caminhante e a (in)completude do ser

Autores

DOI:

https://doi.org/10.14393/REVEDFIL.v37n80a2017-66152

Palavras-chave:

Formação Continuada, Construção Pessoal e Profissional, Subjetividade

Resumo

Resumo: Este artigo objetiva investigar de que forma a proposta de educação continuada de uma escola de Educação Básica privada franciscana, localizada no Sul do Brasil, contribui na construção de si e da prática pedagógica de seus docentes. A metodologia é de abordagem qualitativa, do tipo estudo de caso. Para a coleta de dados utilizou-se a entrevista semiestruturada, com escolha intencional dos participantes (professores, coordenadoras pedagógicas e alunos). Optou-se pela análise textual, cujo processo de auto-organização deu-se a partir da desordem em direção a uma nova ordem, passando pela emergência do novo para, finalmente, auto organizar-se de forma intuitiva. Os resultados apontam possíveis caminhos para o projeto formativo e confirmam que a participação dos professores na educação continuada ofertada pela escola contribui para a mudança no ser pessoa, incentivando-os a empreenderem inovações na prática pedagógica. Além disso, produziram aprendizagens significativas sobre a sua prática pedagógica e concepções de educação continuada, seus entendimentos no processo de autoformação (subjetividade) de si como seres em devir. Evidenciou-se que o despertar para a necessidade da educação continuada como contribuição para a autoformação do ser pessoa profissional é algo inerente ao ser humano na busca pela sua inteireza.

Palavras-chave: Formação Continuada; Construção Pessoal e Profissional; Subjetividade

Continuing teacher education: The walker perspective and the (in)completeness of being

Abstract: This article aims to investigate how the continuing education proposal of a Franciscan private Basic Education school, located in southern Brazil, contributes to the construction of itself and the pedagogical practice of its teachers. The methodology uses a qualitative approach, of the case study type. For data collection, a semi-structured interview was used, with the intentional choice of the participants (teachers, pedagogical coordinators and students). We opted for textual analysis, whose self-organization process started from disorder towards a new order, passing through the emergence of the new and, finally, self-organizing in an intuitive way. The results indicate possible paths for the training project and confirm that the participation of teachers in the continuing education offered by the school contributes to the change in being a person, encouraging them to undertake innovations in pedagogical practice. In addition, they produced significant learning about their pedagogical practice and conceptions of continuing education, their understandings in the process of self-training (subjectivity) of themselves as beings in becoming. It was evident that the awakening to the need for continuing education as a contribution to the self-training of being a professional person is something inherent to human beings in the search for their wholeness.

Keywords: Continuing Education; Personal and Profesional Construction; Subjectivity

Formación continua docente: La perspectiva de caminante y la (in)completitud del ser

Resumen: Este artículo tiene como objetivo investigar cómo la propuesta de educación continua de una escuela privada franciscana de Educación Básica, ubicada en el sur de Brasil, contribuye a la construcción de sí mismo y la práctica pedagógica de sus docentes. La metodología utiliza un enfoque cualitativo, del tipo de estudio de caso. Para la recolección de datos se utilizó una entrevista semiestructurada, con la elección intencional de los participantes (docentes, coordinadores pedagógicos y estudiantes). Se optó por el análisis textual, cuyo proceso de autoorganización partió del desorden hacia un nuevo orden, pasando por la emergencia de lo nuevo y, finalmente, autoorganizándose de manera intuitiva. Los resultados señalan posibles caminos para el proyecto formativo y confirman que la participación de los docentes en la formación continua que ofrece la escuela contribuye al cambio en el ser persona, animándolos a emprender innovaciones en la práctica pedagógica. Además, produjeron aprendizajes significativos sobre su práctica pedagógica y concepciones de educación continua, sus entendimientos en el proceso de autoformación (subjetividad) de sí mismos como seres en devenir. Se evidenció que el despertar a la necesidad de la educación continua como aporte a la autoformación del ser profesional es algo inherente al ser humano en la búsqueda de su integridad.

Palabras-clave: Educación Continua; Construcción Personal y Profesional; Subjetividad

Data de registro: 29/06/2023

Data de aceite: 13/12/2022

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Valderesa Moro, Universidade La Salle (UNILASALLE)

Doutoranda em Educação pela Universidade La Salle (UNILASALLE). E-mail: mvalderesa@gmail.com. Lattes: http://lattes.cnpq.br/0486014775918350. ORCID:  https://orcid.org/0000-0002-6214-7169.

Hildegard Susana Jung, Universidade La Salle (UNILASALLE)

Doutora em Educação pela Universidade La Salle (UNILASALLE). Professora e Pesquisadora do PPGE na Universidade La Salle (UNILASALLE). E-mail: hildegard.jung@unilasalle.edu.br. Lattes: http://lattes.cnpq.br/6822877165900478. ORCID: https://orcid.org/0000-0001-5871-3060.

Referências

BERTRAND, Yves; VALOIS, Paul. Paradigmas educacionais: escola e sociedade. Lisboa: Instituto Piaget, 2004.

BOFF, Leonardo. Tempo de transcendência: o ser humano como um projeto infinito. 2. ed. Rio de Janeiro: Sextante, 2000.

CHARLOT, Bernard. Da relação com o saber: elementos para uma teoria. Porto Alegre: Artmed, 2000.

CHRISTOV, Luiza Helena da Silva. Educação continuada função essencial do coordenador pedagógico. In: O coordenador pedagógico e a educação continuada. 4ª ed. São Paulo: Loyola, 2001.

FREIRE, Paulo. A importância do ato de ler. 32. ed. São Paulo: Cortez, 1992.

FREIRE, Paulo. Pedagogia da autonomia: saberes necessários à prática educativa. 15. ed. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 2000.

FREIRE, Paulo. Pedagogia da esperança: um reencontro com a pedagogia do oprimido. 14. ed. São Paulo: Paz e Terra, 2007.

JOSSO, Marie-Christine. Experiências de vida e formação. São Paulo. Cortez, 2004.

MERINO, José Antônio. Humanismo Franciscano: franciscanismo e mundo atual. Petrópolis. FFB, 1999.

MERINO, José Antônio. Filosofia da vida: visão franciscana. Braga: Editorial Franciscana, 2000.

NANNI, Antonio. Uma nuova Paidéia: prospettive educative per il XXI secolo. Bologna: EMI, 2000.

SILVEIRA, Ildefonso; REIS, Orlando dos (Org.). Fontes franciscanas. 9. ed. Petrópolis: Vozes, 2000.

TOLLE, Eckhart. O despertar de uma nova consciência. Rio de Janeiro: Sextante, 2007.

Downloads

Publicado

2023-12-12

Como Citar

MORO, V.; JUNG, H. S. Formação continuada docente: a perspectiva de caminhante e a (in)completude do ser. Educação e Filosofia, Uberlândia, v. 37, n. 80, p. 767–794, 2023. DOI: 10.14393/REVEDFIL.v37n80a2017-66152. Disponível em: https://seer.ufu.br/index.php/EducacaoFilosofia/article/view/66152. Acesso em: 20 jul. 2024.

Edição

Seção

Dossiê: Docência - ofício ou vocação?