TRABATTONI, Franco. Oralidade e escrita em Platão; tradução de Fernando Rey Puente e Roberto Bolzani Filho. São Paulo: Discurso Editorial; Ilhéus: Editus, 2003.

Autores

  • Dennys Garcia Xavier Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP)

DOI:

https://doi.org/10.14393/REVEDFIL.v18n35/36a2004-602

Palavras-chave:

Filosofia Antiga, Platão, Oralidade e escrita em Platão

Resumo

O livro Oralidade e escrita em Platão, de Franco Trabattoni tem por objetivo estabelecer uma espécie de terceira via entre duas correntes metodológicas que, a partir da segunda metade do século XX praticamente monopolizam os debates acerca do melhor modo de se entender a filosofia de Platão: a de F.D.E. Schleiermacher (criada no século XIX e amplamente adotada por um sem-número de platonizantes desde então) e a da escola de Tübingen-Milão (inaugurada no final dos anos cinquenta por Hans Krãmer e Konrad Gaiser e mundialmente publicizada e aperfeiçoada a partir dos anos oitenta por Giovanni Reale). É que para Trabattoni, a disputa científica instalada entre os adeptos daquelas correntes se tornou de tal forma controvertida que acabou mesmo por se configurar numa espécie de "diálogo entre surdos" (p.67) permeado por “graves quedas de nível, de sarcasmos pesados e de ataques pessoais" (p. 65), o que, obviamente, deve ter causado prejuízo para uma apreensão mais adequada dos argumentos apresentados por ambos e, por via de consequência, da própria filosofia platónica. [...]

Palavras-chave: Filosofia Antiga; Platão; Oralidade e escrita em Platão.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Dennys Garcia Xavier, Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP)

Mestrando em Filosofia Antiga pela Universidade Estadual de Campinas – UNICAMP

Referências

-

Downloads

Publicado

2008-07-10

Como Citar

XAVIER, D. G. TRABATTONI, Franco. Oralidade e escrita em Platão; tradução de Fernando Rey Puente e Roberto Bolzani Filho. São Paulo: Discurso Editorial; Ilhéus: Editus, 2003. Educação e Filosofia, Uberlândia, v. 18, n. 35/36, p. 387–391, 2008. DOI: 10.14393/REVEDFIL.v18n35/36a2004-602. Disponível em: https://seer.ufu.br/index.php/EducacaoFilosofia/article/view/602. Acesso em: 25 jun. 2024.