Arte, catarse e educação

Autores

  • Priscila de Souza Chisté Leite Ifes - Instituto Federal do Espírito Santo

DOI:

https://doi.org/10.14393/REVEDFIL.issn.0102-6801.v29n58a2015-p889a899

Palavras-chave:

Arte. Catarse. Educação.

Resumo

*Doutora em Educação pela Universidade Federal do Espírito Santo (UFES). Professora do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Espírito Santo.

Arte, catarse e educação

Resumo: O artigo que segue pretende, por meio de pesquisa bibliográfica, revisitar o conceito de catarse a partir da perspectiva do materialismo histórico, sob a figura de Georg Lukács, colocando-o em diálogo com a educação e, principalmente, com o ensino da arte. Para tanto, inicia ao fazer uma reflexão sobre a importância do ensino da arte na atualidade e, a seguir, aborda a arte e a catarse a partir das ideias de Lukács. Finaliza o texto ao apresentar as relações entre a catarse e o trabalho educativo. Conclui que as reflexões suscitadas pela obra de arte podem ser potencializadas pela parceria escola/ espaço expositivo, desencadeando processos catárticos que contribuem com a construção de um olhar aguçado, aliado a um senso crítico apurado, bem como para o estabelecimento de novas relações com a realidade.

Palavras-chave: Arte. Catarse. Educação.

Arte, catarse e educação

AbstractThe article that follows aims, by means of bibliographical research, revisiting the concept of catharsis from the perspective of historical materialism, under the figure of Georg Lukács, putting it into dialogue with education and, especially, with the teaching of art. To this end, starts to make a reflec­tion about the importance of art education today, and then discusses the art and the catharsis from the ideas of Lukács. Finalizes the text to the present relations between the catharsis and the educational work. Concludes that the reflections caused by the work of art can be potentiated by the partnership school/exhibition space, triggering cathartic processes that contribute to the construction of a sharp eye, combined with a sharp critical sense, as well as to the establishment of new relations with reality.

Keywords: Art. Catharsis. Education.

Data de registro: 23/03/2014

Data de aceite: 17/12/2014

Referências: 

CHISTÉ, P. de S. O processo catártico no ensino da arte: uma parceria entre escola e espaço expositivo. 2007. 234f. Dissertação (Mestrado em Educação) - Faculdade de Educação, Universidade Federal do Espírito Santo, Vitória, 2007.

DUAYER, J. T. Lukács e a arquitetura. 2003. 175f. Tese (Doutorado em Filosofia e Ciências Humanas) - Instituto de Filosofia e Ciências Humanas, Universidade Estadual de Campinas, Campinas, 2003.

DUARTE, N. Educação escolar, teoria do cotidiano e a escola de Vigotski. Campinas: Autores Associados, 1996.

FOERSTE, E. Parceria na formação de professores. São Paulo: Cortez, 2005.

FOERSTE, G. M. S. Leitura de imagens: um desafio à educação contemporânea. Vitória: EDUFES, 2004.

FONTANA, R. A. Cação. Mediação pedagógica na sala de aula. Campinas: Autores Associados, 2005.

LUKÃCS, G. Estética 1-La peculiaridad de lo estético. Barcelona: Ediciones Grijaldo, 1966.

________. As bases ontológicas do pensamento e da atividade do homem. Temas de ciências humanas, São Paulo, n. 4, p. 1-18, 1978.

SAVIANI, D. Escola e democracia. São Paulo: Cortez; Autores Associados, 1991.

VIGOTSKI, L. S. Pensamento e linguagem. São Paulo: Martins Fontes, 1989.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Priscila de Souza Chisté Leite, Ifes - Instituto Federal do Espírito Santo

Doutora em Educação pela Universidade Federal do Espírito Santo (UFES). Professora do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Espírito Santo. E-mail: pris­cilachiste.ufes@gmail.com

Downloads

Publicado

2016-03-21

Como Citar

Chisté Leite, P. de S. (2016). Arte, catarse e educação. EDUCAÇÃO E FILOSOFIA, 29(58), 889–899. https://doi.org/10.14393/REVEDFIL.issn.0102-6801.v29n58a2015-p889a899