O dentista educador e sua competência para avaliar

Autores

  • Cristina Guimarães Marcolini Universidade Federal de Uberlândia (UFU)

DOI:

https://doi.org/10.14393/REVEDFIL.v8n16a1994-1022

Palavras-chave:

Dentista educador, Docente de odontologia, Universidade Federal de Uberlândia

Resumo

Durante o exercício de atividades profissionais, como docente do Curso de Odontologia da Universidade Federal de Uberlândia, percebo que os problemas relacionados à avaliação do desempenho do aluno, constituem alguns entraves no processo de ensino e aprendizagem, fato este observável não somente nesse curso. Diversas instituições de ensino superior, médio e básico, têm detectado deficiências nos sistemas de avaliação; trabalhos e reuniões exaustivas têm sido uma constante, na tentativa de propor soluções. 

Particularmente os educadores da área de saúde, são mais susceptíveis a situações conflitantes no exercício da arte de ensinar e avaliar, visto que estes por todo seu período de profissionalização, não tiveram qualquer formação na área educacional. Além de médicos e dentistas, também os veterinários, os engenheiros, os advogados, etc... após formados em áreas específicas, se viram entrando na carreira universitária por contingências diversas e às vezes até casualmente, onde passam então a exercer um novo papel na sociedade, sem ter tido orientação específica para tal. [...]

Palavras-chave: Dentista educador; Docente de odontologia; Universidade Federal de Uberlândia.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Cristina Guimarães Marcolini, Universidade Federal de Uberlândia (UFU)

Professora Assistente 4, do Departamento de Odontologia Clinica e Restauradora, da Universidade Federal de Uberlândia.

Referências

AIRASIAN, P.W., "The role of evaluation in mastry leaming" em Block, James (00 Mastery Learning. USA. Holt Rinehart Winston, 1971 , p. 78-79.

BEVILACQUA, F. "Panorama do ensino médico no Brasil". Med. de Hoje, 2(17) 333-443, jul. 1976. https://doi.org/10.1590/1981-5271v2.1-003

BLOOM, B. "Innocence in eduction". In: Cage, N.L. (org.) Handbook of research on teaching. Rand McNally, 1 963, cap. VIII.

DALBERIO, O. "Avaliação: uma questão filosófica". Educação e Filosofia, Uberlândia, jan/jun.1 987.

D'ANTOLA, A. A observação na avaliação escolar. São Paulo, 2' ed., Loyola,

MEDEIROS, E R. "Nossas práticas de avaliação: um anacronismo na escola". R. Brasi. Educ. Méd. Rio de Janeiro, maio/ago. 1982. https://doi.org/10.1590/1981-5271v6.3-003

OLIVEIRA, F.A.L. "Algumas reflexões sobre o sistema de avaliação". Educação e Filosofia. Uberlândia, jan/jun. 1987.

POSTMAN, N & Weingartner, E. Contestação. Nova fórmula de ensino. Rio de Janeiro, Expressão e Cultura, 3a ed., 1974.

SCRIVEN, M. The methodology of evaluation em AERA monograph series on eva/uation. n' 1 Chicago, Rand McNally, 1967. p. 39-89.

Downloads

Publicado

2008-11-06

Como Citar

MARCOLINI, C. G. O dentista educador e sua competência para avaliar. Educação e Filosofia, Uberlândia, v. 8, n. 16, p. 11–22, 2008. DOI: 10.14393/REVEDFIL.v8n16a1994-1022. Disponível em: https://seer.ufu.br/index.php/EducacaoFilosofia/article/view/1022. Acesso em: 17 jul. 2024.