UM NOVO MÉTODO DE SEGMENTAÇÃO DE IMAGEM COM ABORDAGEM BASEADA EM BORDAS E REGIÕES

Conteúdo do artigo principal

Rogério Galante Negri
Marcus Fabiano Saldanha Silva

Resumo

Uma das principais fontes de informações de dados espaciais são as imagens obtidas por sensoriamento remoto. Os recentes avanços tecnológicos têm proporcionado o desenvolvimento de novos satélites, os quais são capazes de realizar medidas mais precisas e, juntamente com o aumento na quantidade de satélites em órbita a disponibilidade das imagens de sensoriamento remoto tem aumentado. Estes fatos, por sua vez, têm motivado o desenvolvimento de novos métodos para o processamento e extração de informações sobre tais imagens. Dentre esses métodos destaca-se a segmentação de imagem. Conceitualmente, a segmentação de imagem é fundamentada em características da fotointerpretação humana, que permitem a distinção entre diferentes alvos distribuídos ao longo de uma imagem. Neste contexto, este trabalho apresenta um novo método de segmentação de imagens que integra conceitos de segmentação baseados em detecção de bordas e regiões. Uma análise comparativa entre os métodos proposto e o método Crescimento de Regiões é conduzida sobre dois estudos de caso que envolvem dados reais e simulados. Os resultados obtidos mostram que o método proposto neste estudo apresenta melhores índices de ajuste quando é permitida a segmentação de alvos com pequenas dimensões.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Métricas

Carregando Métricas ...

Detalhes do artigo

Como Citar
NEGRI, R. G.; SILVA, M. F. S. UM NOVO MÉTODO DE SEGMENTAÇÃO DE IMAGEM COM ABORDAGEM BASEADA EM BORDAS E REGIÕES. Revista Brasileira de Cartografia, [S. l.], v. 65, n. 3, 2013. DOI: 10.14393/rbcv65n3-44797. Disponível em: https://seer.ufu.br/index.php/revistabrasileiracartografia/article/view/44797. Acesso em: 17 jul. 2024.
Seção
Artigos
Biografia do Autor

Rogério Galante Negri, Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais

Graduado em Matemática pela Universidade Estadual Paulista (UNESP) em 2006, obteve o título de mestre em Computação Aplicada pelo Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE) em 2009. Ainda em 2009 iniciou o doutorado em Computação Aplicada, também no INPE.

Marcus Fabiano Saldanha Silva, Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais - INPE

Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais - INPE Divisão de Processamento de Imagens - DPI Diretoria de Serviço Geográfico