O limiar da voz concreta

Vocoperformance e poemúsica em Augusto de Campos e Cid Campos

Autores

DOI:

https://doi.org/10.14393/LL63-v39-2023-24

Palavras-chave:

Canção, Augusto de Campos, Cid Campos, Poesia concreta, Vocoperformance

Resumo

Partindo de uma discussão teórica que visa fixar o lugar genológico da letra de canção, o que tem sido realizado criticamente por meio da operação de contraste com o que seria o gênero poema em sentido estrito, muitas vezes sob um aspecto negativo, propomos recolocar em debate o conceito camposiano de “poemúsica”, um entrelugar vocoperformático que complexifica e desestabiliza classificações fáceis. Para ilustrar nossas questões de forma didática e produtiva, optamos pela análise formal de dois artefatos verbivocovisuais presentes no CD-livro Poesia é risco (1995), de Augusto de Campos e Cid Campos.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Leonardo Davino de Oliveira, Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ)

Doutor em Literatura Comparada. Professor Associado da Universidade do Estado do Rio de Janeiro.

Gabriel Costa Resende Pinto Bastos dos Santos, UERJ

Mestrando em Literatura Brasileira, como bolsista CAPES, na Universidade do Estado do Rio de Janeiro. É graduado em Letras Português-Japonês (2022) pela mesma instituição. Foi bolsista FAPERJ de iniciação científica entre 2018 e 2020, atuando no projeto "Poesia e Transdisciplinaridade: a vocoperformance", e estagiário da Fundação Getulio Vargas entre 2020 e 2022. Possui interesse em questões teóricas e historiográficas da literatura brasileira, especialmente as que mobilizam rearranjos metodológicos e disciplinares.

Referências

AGUILAR, G. O olhar excedido. In: SÜSSEKIND, F.; GUIMARÃES, J. C. (orgs.) Sobre Augusto de Campos. Rio de Janeiro: 7Letras/Fundação Casa de Rui Barbosa, 2004. p. 36-51.

CAMPOS, A. Viventes e vampiros (1982). In: Despoesia. São Paulo: Editora Perspectiva, 1994. p. 20-21.

CAMPOS, A. Música de invenção. São Paulo: Editora Perspectiva, 1998.

CAMPOS, A. Música de invenção 2. São Paulo: Editora Perspectiva, 2016.

CAMPOS, A. Tensão (1956). In: Viva vaia: poesia 1949-1979. São Paulo: Livraria Duas Cidades, 1979. p. 95.

CAMPOS, A; CAMPOS, C. Poesia é risco. 2. ed. São Paulo: Polygram, 1995. CD-livro.

CAMPOS, C. No lago do olho. São Paulo: Dabliú, 2001.

CONFORTE, A. N.; DOLZ, J. A letra de canção como componente de um complexo semiótico: alguns pressupostos teóricos e uma proposta didática. EntreLetras, [S. l.], v. 14, n. 1, p. 92–110, 2023. DOI: 10.20873/uft2179-3948.2023v14n1p92-110. Disponível em: https://sistemas.uft.edu.br/periodicos/index.php/entreletras/article/view/16449. Acesso em: 27 ago. 2023.

GARBUTO, G.; FIORINI, C. A relação entre música e texto nos madrigais de Carlo Gesualdo – um estudo sobre seu amadurecimento ao longo da obra. Música em Perspectiva, v.5, n. 2, p. 103-119, 2012. Disponível em: https://repositorio.ufba.br/bitstream/ri/31901/1/A_relacao_entre_musica _e_texto_nos_madri.pdf. Acesso em: 15 set. 2023.

LIMA, J. G. Ritmo e melodia no poema lido e musicalizado: alguns exemplos do repertório brasileiro. 2007. 152 f. Dissertação (Mestrado em Estudos Literários) – Setor de Ciências Humanas, Letras e Artes, Universidade Federal do Paraná, Curitiba, 2007.

OLIVEIRA, L. D. Do poema à canção: a vocoperformance. Rio de Janeiro: EdUERJ, 2023.

TATIT, L. A arte de compor canções. Revista USP, n. 111, 2016, p. 11-20.

TATIT, L. O cancionista. São Paulo: EdUSP, 1996.

TESCH, N. Carlo Gesualdo: murder, witchcraft, choral music. Encyclopedia Britannica, 26 jun. 2019. Disponível em: https://www.britannica.com/story/carlo-gesualdo-murder-

witchcraft-choral-music. Acesso em: 20 set. 2023.

VALENTE, A. C.; PINHEIRO, P. C.; MARANHÃO, S. A língua portuguesa na poesia musical e na prosa literária: aspectos semântico-estilísticos. In: CAMARA, T. et al. (org.). Língua Portuguesa: tradições e modernidade. São Paulo: Parábola Editorial, 2019.

WISNIK, J. M. O som e o sentido: uma outra história das músicas. 3. ed. São Paulo: Companhia das Letras, 2017.

Downloads

Publicado

2023-12-23

Como Citar

OLIVEIRA, L. D. de; SANTOS, G. C. R. P. B. dos. O limiar da voz concreta: Vocoperformance e poemúsica em Augusto de Campos e Cid Campos. Letras & Letras, Uberlândia, v. 39, n. único, p. e3924 | p. 1–14, 2023. DOI: 10.14393/LL63-v39-2023-24. Disponível em: https://seer.ufu.br/index.php/letraseletras/article/view/70969. Acesso em: 17 jul. 2024.