Herdeiros de Sísifo

uma contribuição para a compreensão do processo inclusão-exclusão na escola e no trabalho

Autores

  • Márcia Núbia Fonseca Vieira

DOI:

https://doi.org/10.14393/REVEDFIL.v11n21/22a1997-906

Palavras-chave:

escola, família, inclusão-exclusão na escola, inclusão-exclusão no trabalho

Resumo

Busca-se, na presente dissertação, contribuir para a compreensão de como ocorre o processo de inclusão-exclusão na escola e no trabalho. Este processo é considerado a partir de um enfoque que privilegia experiências e significados, e as interações dos adolescentes com a família, com o trabalho e com a escola.

Desenvolveu-se uma pesquisa de campo com entrevistas de adolescentes e de suas mães. Tais adolescentes exerciam atividades de empacotadores de supermercado e se encontravam, até aquele momento, fora da escola. Por essa via foi possível constatar que a condição de ser trabalhador não retira, por si só, a condição de ser estudante. Neste caso, em particular, não havia nenhuma relação causal entre trabalho e exclusão escolar. A incompatibilidade entre trabalho e escola não é dada, "a priori", mas vai sendo construída num processo mais complexo. Nesse processo, entram em jogo não só as condições de classe social, como também as mediações de valores especiais, as relações e as experiências vividas no âmbito da escola, da família e do trabalho. [...]

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Márcia Núbia Fonseca Vieira

Mestra em Educação: História, Política, Sociedade pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC/SP).

Downloads

Publicado

2022-06-09

Como Citar

VIEIRA, M. N. F. Herdeiros de Sísifo: uma contribuição para a compreensão do processo inclusão-exclusão na escola e no trabalho. Educação e Filosofia, Uberlândia, v. 11, n. 21/22, p. 321–322, 2022. DOI: 10.14393/REVEDFIL.v11n21/22a1997-906. Disponível em: https://seer.ufu.br/index.php/EducacaoFilosofia/article/view/906. Acesso em: 12 abr. 2024.

Edição

Seção

Resumos de teses e de dissertações