Reflexões sobre Professoralidade, Profissionalização, Profissionalidade, Profissionalismo e sua relação com o Desenvolvimento Profissional Docente 

Autores

DOI:

https://doi.org/10.14393/REVEDFIL.v34n71a2020-52536

Palavras-chave:

Desenvolvimento Profissional Docente, Professoralidade, Profissionalização, Profissionalidade, Profissionalismo

Resumo

Reflexões sobre Professoralidade, Profissionalização, Profissionalidade, Profissionalismo e sua relação com o Desenvolvimento Profissional Docente 

Resumo: Várias são as categorias teóricas que guardam relação com o tema desenvolvimento profissional docente (DPD). Professoralidade, profissionalização, profissionalismo são algumas delas, mas geralmente não aparecem conjuntamente nem em relação do DPD. Por isto, este trabalho visa a analisar estes conceitos em relação ao DPD. A investigação foi desenvolvida a partir de metodologia baseada na pesquisa bibliográfica. Os argumentos evidenciaram que o DPD, na atualidade, perpassa questões da professoralidade, da profissionalização, da profissionalidade e do profissionalismo, mesmo que em intensidades diferentes. Profissionalidade e professoralidade são aqueles que mais dizem respeito a uma estreita vinculação com o desenvolvimento profissional docente por se relacionarem de forma imbricada sem que se possa separar um do outro, ao passo que no profissionalismo e na profissionalização não existe uma relação de complementariedade ou espontânea, mas sem dúvida ambos os lados da relação podem se beneficiar um do outro.
Palavras-chave: Desenvolvimento Profissional Docente; Professoralidade; Profissionalização; Profissionalidade; Profissionalismo.

Reflections on professorality, professionalization, professionality, professionalism and its relationship with the teacher professional development

Abstract: There are several theoretical categories that are related to the theme of teacher professional development (TPD). Professionality, professionalism, professorship, professionalization are some of them, but generally do not appear together in relation to the TPD. For this reason, this work aims to analyze these concepts in relation to the TPD. The investigation was developed based on a bibliographic research methodology. The arguments showed that the TPD, at present, runs through issues of teaching, professionalism, professionalism and professionalization, even if at different intensities. Professorship and professionality are those that most relate to a close link with the professional development of teachers because they relate in an interconnected way without being able to separate from each other, whereas in professionalism and professionalization there is no complementary or spontaneous relationship, but no doubt both sides of the relationship can benefit from each other.
Keywords: Teacher Professional Development; Professorship; Professionalization; Professionality; Professionalism.

Reflexiones sobre Profesoralidad, profesionalización, profesionalidad, profesionalismo y su relación con el desarrollo profesional de los docentes.

Resumen: Existen varias categorías teóricas relacionadas con el tema del desarrollo profesional docente (DPD). Profesoralidad, profesionalización, profesionalidad, profesionalismo son algunos de ellos, pero generalmente no aparecen juntos o en relación con el DPD. Por esta razón, este trabajo tiene como objetivo analizar estos conceptos en relación con el DPD. La investigación se desarrolló en base a una metodología basada en la investigación bibliográfica. Los argumentos mostraron que el DPD, en la actualidad, atraviesa problemas de enseñanza, profesionalización, profesionalismo y profesionalismo, incluso a diferentes intensidades. La profesionalidad y la enseñanza son las que más se relacionan con un vínculo cercano con el desarrollo profesional de los docentes porque se relacionan de manera interconectada sin poder separarse entre sí, mientras que en el profesionalismo y la profesionalización no existe una relación complementaria o espontánea. Pero sin duda ambos lados de la relación pueden beneficiarse el uno del otro.
Palabras clave: Desarrollo profesional docente; Profesoralidad; Profesionalización; Profesionalidad; Profesionalismo.

Data de registro: 04/02/2020
Data de aceite: 28/08/2020

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Cláudio César Torquato Rocha, Professor na Universidade Estadual do Ceará (UECE)

Doutor em Educação pela Universidade Estadual do Ceará (UECE). Professor na Universidade Estadual do Ceará (UECE). E-mail: claudio_torquato@yahoo.com.br. ORCID: https://orcid.org/0000-0001-6691-804X.

Adriana Teixeira Bastos, Universidade Estadual do Ceará (UECE)

Doutora em Administração de Empresas pela Universidade de Fortaleza (UNIFOR). Professora na Universidade Estadual do Ceará (UECE). E-mail: adriana.bastos@uece.br. ORCID: https://orcid.org/0000-0003-3789-9956.

Referências

AKKARI, Abdeljalil. Internacionalização das políticas educacionais: transformações e desafios. Petrópolis: Vozes, 2011.

ALVES, Thiago; PINTO, José M. R. Remuneração e características do trabalho docente no Brasil: um aporte. Cadernos de pesquisa. v. 41, n. 43, p.606-639, maio/ago. 2011. Disponível em: <http://www.scielo.br/pdf/cp/v41n143/a14v41n143.pdf>. Acesso: 27 out. 2016. https://doi.org/10.1590/S0100-15742011000200014

ASSOCIAÇÃO DOS PROFESSORES DE ESTABELECIMENTOS DE ENSINO OFICIAL DO CEARÁ (APEOC). Fundeb, piso salarial e carreira do professor da Educação Básica. Fortaleza: Teia digital, maio/2012.

ASSOCIAÇÃO NACIONAL DE PÓS-GRADUAÇÃ E PESQUISA EM EDUCAÇÃO (ANPED). O desmonte da escola pública e os efeitos da reforma do Ensino Médio: exclusão, precarização, privatização, desresponsabilização do Estado. 20 mar. 2018. Disponível em: http://www.anped.org.br/news/o-desmonte-da-escola-publica-e-os-efeitos-da-reforma-do-ensino-medio-exclusao-precarizacao. Acesso em: 26 abr. 2018.

ASSOCIAÇÃO NACIONAL DE PÓS-GRADUAÇÃ E PESQUISA EM EDUCAÇÃO (ANPED). Carta de entidades da Educação contra PL que regulamenta o exercício da profissão de Pedagogo. 17 ago. 2017. Disponível em: http://www.anped.org.br/news/carta-de-entidades-da-educacao-contra-pl-que-regulamenta-o-exercicio-da-profissao-de-pedagogo. Acesso em: 17 ago. 2017

BAUMAN, Zygmunt. Modernidade líquida. Rio de Janeiro: Zahar, 2001.

BRASIL. Constituição da República Federativa do Brasil. Texto constitucional promulgado em 5 de outubro de 1988, com as alterações determinadas pelas Emendas Constitucionais de Revisão nos 1 a 6/94, pelas Emendas Constitucionais nº 1/92 a 91/2016 e pelo Decreto Legislativo nº 186/2008. Disponível em: <https://www2.senado.leg.br/bdsf/bitstream/handle/id/518231/CF88_Livro_EC91_2016.pdf.> Acesso em: 26 jan. 2018.

BRASIL. Casa civil da Presidência. Lei n. 13.415, de 16 de fevereiro de 2017. Dispõe sobre a reforma do Ensino Médio. Disponível em: < http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_Ato2015-2018/2017/Lei/L13415.htm>. Acesso em: 26 fev. 2014.

BRASIL. Ministério da Educação. Conselho Nacional da Educação. Resolução n. 2, de 1º de julho de 2015. Define as Diretrizes Curriculares Nacionais para a formação inicial em nível superior (cursos de licenciatura, cursos de formação pedagógica para graduados e cursos de segunda licenciatura) e para a formação continuada. Disponível em: <http://portal.mec.gov.br/index.php?option=com_docman&view=download&alias=70431-res-cne-cp-002-03072015-pdf&category_slug=agosto-2017-pdf&Itemid=30192>. Acesso em 26 jan. 2016.

BRASIL, Câmara dos Deputados. Projeto de Lei n. 867/2015. Autor: Deputado Izalci Lucas, 2015. Disponível em: <http://www.camara.gov.br/sileg/integras/1317168.pdf>. Acesso em: 26 jan. 2016.

BRASIL. Casa civil da Presidência. Decreto n. 7.219, de 24 de junho de 2010. Dispõe sobre o Programa Institucional de Bolsa de Iniciação à Docência - Pibid e dá outras providências. Disponível em: <http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_ato2007-2010/2008/lei/l11738.htm>. Acesso em: 26 fev. 2014.

BRZEZINSKI, Iria. Introdução. In: _________ (Org.). Profissão professor: identidade e profissionalização docente. Brasília: Plano, 2002. p.7-19.

CARLSSON, Chris. Nowtopia: iniciativas que estão construindo o futuro hoje. Porto Alegre: Tomo Editorial, 2014.

CEARÁ. Lei n. 10.884, de 1984. Estatuto do Magistério Oficial do Estado. 1984a. Disponível em: <https://www.apeoc.org.br/.../ESTATUTO_DO_MAGISTERIO_OFICIAL_DO_ESTADO_FINALIZADO.doc>. Acesso em: 26 jan. 2016.

CONTRERAS, José. A autonomia de professores. 2. ed. São Paulo: Cortez, 2012.

ESTEVES, Manuela et. al. Para pensar a educação em Portugal: a formação de professores. 2012. Disponível em: <http://fundacao-betania.org/ges/Educacao2015/actualizacoes/actualizacao_PENSAR_A_EDUCACAO_Formacao_de_Professores.pdf>. Acesso em: 26 jan. 2017.

FARIAS, Isabel M. S.; ROCHA, Cláudio C. T. Desenvolvimento profissional de professores da educação básica: reflexões a partir da experiência no PIBID. In: Revista Reflexão e Ação, Santa Cruz do Sul, v. 24, n. 3, p.123-140, Set./Dez. 2016. Disponível em: http://online.unisc.br/seer/index.php/reflex/index. Acesso em: 26 jan. 17. https://doi.org/10.17058/rea.v24i3.7524

FERREIRA, Liliana S. Professoras e professores como autores de sua professoralidade: a gestão do pedagógico na sala de aula. RBPAE, Porto Alegre, RS, v.25, n.3, p. 425-438, set./dez. 2009.

FREIDSON, Eliot. Renascimento do Profissionalismo: teoria, profecia e política. São Paulo: Edusp, 1998.

HAGUETTE, André. Educação: bico, vocação ou profissão? In: _______. A luta pelo ensino básico: uma proposta pedagógica - administrativa. Fortaleza: Edições UFC, 1990. p. 39-52.

JAPPE, Anselm. Crédito à morte: a decomposição do capitalismo e suas críticas. São Paulo: Hedra, 2013.

JORNALISTAS LIVRES. Deputada eleita do PSL faz campanha pela perseguição política de professores em sala. 29 out. 2018. Disponível em: <https://jornalistaslivres.org/deputada-eleita-do-psl-faz-campanha-pela-perseguicao-politica-de-professores-em-sala-de-aula/>. Acesso em: 24 jan. 2019.

KURZ, Robert. O colapso da modernização: da derrocada do socialismo de caserna à crise econômica mundial. 2. ed. São Paulo: Paz e terra, 1992.

LIBÂNEO, José C. Adeus professor, adeus professora: novas exigências educativas e profissão docente. 13. ed. São Paulo: Cortez, 2011.

LOPES, Sônia C. Obreiros do progresso ou párias da sociedade? Professores na imprensa pedagógica em fins do século XIX. In: CARDOSO, Tereza F. L. (Org.). História da profissão docente no Brasil e em Portugal. Rio de Janeiro: Maud X; FAPERJ, 2014. p. 79-100.

MARQUES, Luiz. Capitalismo e colapso ambiental. Campinas: Editora da Unicamp, 2015.

MATTAR, João. Tutoria e interação em educação a distância. São Paulo: Cengage Learning, 2012

MENDES, Emanoela T. B.; FARIAS, Isabel M. S.; THERRIEN, Silvia M. N. Trabalhando com materiais diversos e exercitando o domínio da leitura: a pesquisa bibliográfica e a pesquisa documental. In: THERRIEN, Silvia M. N.; FARIAS, Isabel M. S.; NUNES, João B. (Orgs.). Pesquisa científica para iniciantes: caminhando no labirinto. Métodos de pesquisa. Fortaleza: EdUECE, 2011.p. 25-53

MINISTÉRIO PÚBLICO FEDERAL. PROCURADORIA FEDERAL DOS DIREITOS DO CIDADÃO (MPF/PFDC). Nota Técnica 01/2016. Disponível em: <http://pfdc.pgr.mpf.mp.br/temas-de-atuacao/educacao/saiba-mais/proposicoes-legislativas/nota-tecnica-01-2016-pfdc-mpf>. Acesso em: 26 jan. 2017

MOROSINI, Marilia C. (Editora-chefe). Enciclopédia de Pedagogia Universitária. Brasília: INEP/RIES, 2006. v 2, p. 400.

NÓVOA, António. Formação de professores e profissão docente. In: _______ (Coord.). Os professores e sua formação. 2. ed. Lisboa: Dom Quixote, 1995. p. 15-34.

NUÑEZ, Isauro B.; RAMALHO, Betânia L. A profissionalização da docência: um olhar a partir da representação de professoras do ensino fundamental. Revista Iberoamericana de Educación, Madri, Espanha, v. 46, n. 9, p. 1-13, 2008. Disponível em: <https://rieoei.org/RIE/article/view/1872>. Acesso em: 26 jan. 2016.

PESSANHA, Eurize C. Ascensão e queda do professor. 3. ed. São Paulo: Cortez, 2001.

POPKEWITZ, Thomas. Profissionalização e formação de professores: algumas notas sobre a sua história, ideologia e potencial. In: NÓVOA, António (Coord.). Os professores e sua formação. 2. ed. Lisboa, Dom Quixote, 1995. p. 35-50.

PREFEITURA MUNICIPAL DE FORTALEZA (PMF0. Lei n. 5.895, de 13 de novembro de 1984. Estatuto do Magistério do Município de Fortaleza. Disponível em: <http://sindiute.org.br/wp-content/uploads/2014/07/estatuto_do_magisterio.pdf>. Acesso em: 26 jan. 2017.

RAMALHO, Betânia R; NUÑES, Isauro B; GAUTHIER, Clermont. Formar o professor, profissionalizar o ensino: perspectiva e desafios. Porto Alegre: Sulina, 2003.

ROCHA, Cláudio C. Torquato. Narrativas de professores em situação de desenvolvimento profissional: estudo no contexto do PIBID. Tese de Doutorado em Educação. Fortaleza: Universidade Estadual do Ceará, 2018.

SACRISTÁN, José G. Consciência e acção sobre a prática como libertação profissional dos professores. In: NÓVOA, António (Org.). Profissão professor. Porto: Porto Editora, 1991. p. 61-92.

SANTOS, Boaventura de Souza. Um discurso sobre as ciências. 16. ed. Porto: Edições Afrontamento, 2010.

__________. Da ciência moderna ao novo senso comum. In: ______. A crítica da razão indolente: contra o desperdício da experiência. 4. ed. São Paulo: Cortez, 2002. p. 55-117.

__________. Introdução a uma ciência pós-moderna. Rio de Janeiro: Graal, 1989.

SINDICATO DOS PROFESSORES DE SÃO PAULO (SINPROSP). Protesto faz Anhanguera retirar propaganda de mau gosto. 22 ago. 2017. Disponível em:< http://www.sinprosp.org.br/noticias.asp?id_noticia=2811>. Acesso em: 22 ago. 2017

SCHWAB, Klaus. A quarta revolução industrial. São Paulo: Edipro, 2016.

TARDIF, Maurice. A crise do profissionalismo. In: ______. Saberes docentes e formação profissional. 10. ed. Petrópolis: Vozes, 2010. p. 250-254.

VEIGA, Ilma P. A; ARAÚJO, José C. KAPUZINIAK, Célia. Docência: uma construção ético-profissional. Campinas: Papirus, 2005.

VICENTINI, Paula P; LUGLI, Rosário G. História da profissão docente no Brasil: representações em disputa. São Paulo: Cortez, 2009.

Downloads

Publicado

2021-03-20

Como Citar

Torquato Rocha, C. C., & Teixeira Bastos, A. (2021). Reflexões sobre Professoralidade, Profissionalização, Profissionalidade, Profissionalismo e sua relação com o Desenvolvimento Profissional Docente . EDUCAÇÃO E FILOSOFIA, 34(71), 923–964. https://doi.org/10.14393/REVEDFIL.v34n71a2020-52536