O rural e a escolarização em Portugal

Autores

  • Justino Magalhães Instituto de Educação da Universidade de Lisboa-Pt.

DOI:

https://doi.org/10.14393/REVEDFIL.issn.0102-6801.v27nEspeciala2013-p63a74

Palavras-chave:

Escola Portuguesa, Escola , Mundo Rural

Resumo

*Doutor em Educação, área de especialização de História da Educação, pela Universidade do Minho, Braga-Pt. Professor Catedrático do Instituto de Educação da Universidade de Lisboa-Pt.

O rural e a escolarização em Portugal

Resumo: A escola portuguesa estabeleceu com a sociedade uma relação qualitativamente diferenciada. O rural foi representado como arcaico, subdesenvolvido e de inevitável transformação por contraponto ao mundo urbano culto e progressista, apresentado como norma. Este estudo permite demonstrar que, não obstante, a subalternização da cultura e do modelo de desenvolvimento rural, houve uma política educativa e uma pedagogia orientadas para o mundo rural. Destinados à alfabetização das populações rurais, o Estado Novo criou a figura do Regente Escolar e ampliou a oferta educativa com Postos Escolares. A alfabetização rural era o primeiro grau da Escola Única. Assim, em resposta ao inquérito Possibilités d'Accès à l'Éducation dans les Zones Rurales (1958), o governo português reiterou a ideia de que em Portugal a Escola é a mesma para todos.

Palavras-chave: Escola Portuguesa. Escola Única. Mundo Rural. 

O rural e a escolarização em Portugal

Abstract: The Portuguese school established with the society a relation qualitatively differentiated. The agricultural one was represented as archaic, underdeveloped and of inevitable transformation for counterpoint to the cultured and progressive urban world, presented as norm. This study it allows to demonstrate that, not obstante, the subaltern condition of the culture and the model of agricultural development, had one guided educative politics and a pedagogy for the agricultural world. Destined to the literacy of the agricultural populations, the New State created the figure of the School Regent and extended offers educative with School Offices. The rural literacy was the first degree of the Unique School. Thus, in reply to the inquiry Possibilités d' Accès to the l' Éducation dans les Zones Rurales (1958), the Portuguese government reiterated the idea of that in Portugal the School is the same one for all.

Keywords: Portuguese School. Unique School. Rural World.

Data de registro:13/05/2013

Data de aceite: 08/07/2013

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Justino Magalhães, Instituto de Educação da Universidade de Lisboa-Pt.

Doutor em Educação, área de especialização de História da Educação, pela Universidade do Minho, Braga-Pt. Professor Catedrático do Instituto de Educação da Universidade de Lisboa-Pt.

Downloads

Publicado

2013-07-16

Como Citar

Magalhães, J. (2013). O rural e a escolarização em Portugal. EDUCAÇÃO E FILOSOFIA, 27(n. ESP), 63–74. https://doi.org/10.14393/REVEDFIL.issn.0102-6801.v27nEspeciala2013-p63a74

Edição

Seção

Dossiê Educação