As crianças em cena, contextos e identidades: reflexões sobre o contributo de pesquisadores vinculados ao "projecto de investigação sobre a infância em Portugal"¹

Autores

  • Josemir Almeida Barros Universidade do Estado de Minas Gerais (UEMG) - Campus Belo Horizonte
  • Nilce Vieira Campos Ferreira Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Triângulo Mineiro/IFTM, campus Uberaba-MG

DOI:

https://doi.org/10.14393/REVEDFIL.issn.0102-6801.v27nEspeciala2013-p143a162

Palavras-chave:

Crianças. História da infância. História da educação. Escola. Políticas Públicas

Resumo

[1] Esse artigo resulta das pesquisas realizadas no doutorado intercalar de Josemir Almeida Barros na Universidade do Minho em Braga, Portugal e de Nilce V.C. Ferreira no Instituo de Educação da Universidade de Lisboa, Portugal. Ambos foram financiados pela CAPES.

*Doutor em Educação pela Universidade Federal de Uberlândia (bolsista FAPEMIG), Uberlândia-MG, Brasil. Professor da Faculdade de Educação da Universidade do Estado de Minas Gerais, Belo Horizonte-MG, Brasil.

**Doutora em Educação pela Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia-MG, Brasil. Pedagoga no Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Triângulo Mineiro/IFTM, campus Uberaba-MG, Brasil.

As crianças em cena, contextos e identidades: reflexões sobre o contributo de pesquisadores vinculados ao "projecto de investigação sobre a infância em Portugal"

Resumo: Apresentamos reflexões sobre pesquisas desenvolvidas no âmbito do "Projecto de investigação sobre a infância em Portugal" (PiiP) realizado de 1997 a 1999. Esse estudo, em Portugal, abordou a redefinição do campo da infância e dos médias por meio de levantamento bibliográfico realizado no período de 1974 a 1998. Nessa concepção, discorremos a respeito da história da infância, a partir da visão desses investigadores, ponderando que com o advento da sociedade industrial as crianças assumiram um novo lugar como cidadãos em formação, o que incluiu uma relação com o trabalho na sociedade capitalista e suas múltiplas implicações. A indagação que trazemos é a seguinte: a circulação de temáticas sobre as crianças acarretou melhores condições sociais para esse público?

Palavras-chave: Crianças. História da infância. História da educação. Escola. Políticas públicas. 

As crianças em cena, contextos e identidades: reflexões sobre o contributo de pesquisadores vinculados ao "projecto de investigação sobre a infância em Portugal"

Abstract: We brought reflections on research developed in the scope of "Projecto de investigação sobre infância em Portugal (PiiP) (Project of childhood investigation in Portugal), made from 1997 to 1999. This study in Portugal is about the redefinition on the childhood field and the medias through bibliographical research made between 1974 and 1998. Using this conception, we discuss from the point of view of these investigators about these little human beings, pondering that with the event of the industrial society children have assumed a new role as citizens in development, included in the labor relation in the capitalist society and its various implications. The question which has arisen is the following one: the widespread circulation on themes about children has evolved into better social conditions to this public?

Keywords: Children. History of childhood. History of Education. School. Public politics.

Data de registro:13/05/2013

Data de aceite: 08/07/2013

Referências:

ARIÈS, Philippe. História social da criança e da família. 2 ed. Rio de Janeiro: LTC, 2006.

BARROS, Josemir Almeida. Rádio e educação: de ouvintes a falantes, processos midiáticos com crianças. 2008. 152 f. Dissertação (Mestrado em Educação) - Faculdade de Educação, Universidade do Estado do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, 2008.

BARROS, Josemir Almeida; PEREIRA, Rita Marisa Ribes. Programas radiofônicos para crianças: a rádio maluca e a universidade das crianças. In. GOUVÊA; Guaracira; NUNES, Maria Fernanda Rezende (Org.). Crianças, mídias e diálogos. Rio de Janeiro: Rovelle, 2009. p. 73-91.

FERREIRA, Nilce Vieira Campos; BEGNAMI, Patrícia Santos. Ética e formação de Educadores. In: SCHENKEL, Cladecir Alberto; FERREIRA, Nilce Vieira Campos (Org.). Formação inicial e continuada na educação de Jovens e adultos: diálogos e reflexões. Uberaba: IFTM, 2009, v. 01, p. 45-54.

JOHN, Locke. Ensaio sobre o entendimento Humano. São Paulo: Martins Editora, 2012.

MAGALHÃES, Justino Pereira de. Um contributo para a história da educação da infância em Portugal. In. PINTO, Manuel; SARMENTO, Manuel Jacinto (Org.). As crianças: contextos e identidades. Braga: Bezerra, 1997. p. 115-145.

MARTINS, Paula Cristina. Planificação da atividade e tomada de consciência na criança. In. PINTO, Manuel; SARMENTO, Manuel Jacinto (Org.). As crianças: contextos e identidades. Braga: Bezerra, 1997. p. 149-216.

PEREIRA, Beatriz Oliveira; NETO, Carlos. A infância e as práticas lúdicas. In. PINTO, Manuel; SARMENTO, Manuel Jacinto (Org.). As crianças: contextos e identidades. Braga: Bezerra, 1997. p. 219-264.

PINTASSILGO, Joaquim; FREITAS, Marcos Cezar de; MOGARRO, Maria João; et al. (Org.). História da escola em Portugal e no Brasil: circulação e apropriação de modelos culturais. Lisboa: Edições Colibri, 2006.

PINTO, Manuel. A infância como construção social. In. PINTO, Manuel; SARMENTO, Manuel Jacinto (Org.). As crianças: contextos e identidades. Braga: Bezerra, 1997. p. 33-73.

PINTO, Manuel; SARMENTO, Manuel Jacinto (Coord.). Saberes sobre as crianças: para uma bibliografia sobre a infância e as crianças em Portugal (1974-1998). Braga: Bezerra, 1999.

PINTO, Manuel; SARMENTO, Manuel Jacinto (Org.). As crianças: contextos e identidades. Braga: Bezerra, 1997.

PINTO, Manuel; SARMENTO, Manuel Jacinto. As crianças e a infância: definindo conceitos delimitando o campo. In. PINTO, Manuel; SARMENTO, Manuel Jacinto (Org.). As crianças: contextos e identidades. Braga: Bezerra, 1997. p. 9-30.

POSTAMAN, Neil. O desaparecimento da infância. Rio de Janeiro: Graphia, 1999.

ROUSSEAU, Jean-Jacques. Emilio ou da educação. 4 ed. São Paulo: Martins Editora, 2004.

SARMENTO, Manuel Jacinto; et al. A escola e o trabalho em tempos cruzados. In. PINTO, Manuel; SARMENTO, Manuel Jacinto (Org.). As crianças: contextos e identidades. Braga: Bezerra, 1997. p. 265-293.

SARMENTO, Manuel Jacinto; PINTO, Manuel. As crianças e a infância: definindo conceitos delimitando o campo. In. PINTO, Manuel; SARMENTO, Manuel Jacinto (Org.). As crianças: contextos e identidades. Braga: Bezerra, 1997. p. 9-30.

SOARES, Natália Fernandes. Direitos das crianças: utopia ou realidade? In. PINTO, Manuel; SARMENTO, Manuel Jacinto (Org.). As crianças: contextos e identidades. Braga: Bezerra, 1997. p. 76-111.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Josemir Almeida Barros, Universidade do Estado de Minas Gerais (UEMG) - Campus Belo Horizonte

Doutor em Educação pela Universidade Federal de Uberlândia (bolsista FAPEMIG), Uberlândia-MG, Brasil. Professor da Faculdade de Educação da Universidade do Estado de Minas Gerais, Belo Horizonte-MG, Brasil.

Nilce Vieira Campos Ferreira, Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Triângulo Mineiro/IFTM, campus Uberaba-MG

Doutora em Educação pela Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia-MG, Brasil. Pedagoga no Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Triângulo Mineiro/IFTM, campus Uberaba-MG, Brasil

Downloads

Publicado

2013-07-16

Como Citar

Almeida Barros, J., & Ferreira, N. V. C. (2013). As crianças em cena, contextos e identidades: reflexões sobre o contributo de pesquisadores vinculados ao "projecto de investigação sobre a infância em Portugal"¹. EDUCAÇÃO E FILOSOFIA, 27(n. ESP), 143–162. https://doi.org/10.14393/REVEDFIL.issn.0102-6801.v27nEspeciala2013-p143a162

Edição

Seção

Dossiê Educação