Da ideologia no ensino da Geografia de 1º a 2º Graus

Autores

  • Vânia Rúbia Farias Vlach Universidade Federal de Uberlandia (UFU).

DOI:

https://doi.org/10.14393/REVEDFIL.v1n1a1986-2019

Palavras-chave:

Ideologia, Geografia, Escola, Instituição social, Espaço da fábrica, Ensino

Resumo

Estamos reunidos, futuros professores de 1º e 2º graus, em um espaço institucional: a escola, que pretendemos discutir, e em cujo interior interessa-nos particularmente a questão do ensino da Geografia.

Quem institucionalizou a escola?  Por quê? As mesmas perguntas (e outras) devem se voltar à nossa questão central.

Ao mesmo tempo, a escola é aquela instituição social em que parte da população (nem todos têm acesso a ela), em um dado período, assinala, de uma maneira específica, a sua participação na sociedade mais ampla. Ora, participamos da vida social no sentido lato através do trabalho. Nesse sentido, ainda que soe como paradoxo, a escola é também um espaço de trabalho. Certamente, não é o espaço da fábrica, mas exige disciplina (intelectual); nem o do folguedo, embora às vezes se transforme no “jogo de ensinar”.

[…] Será que estamos negando o conhecimento, que, sob a forma de conteúdos “didaticamente” selecionados e distribuídos, parece ter sustentado a escola durante muito tempo?

[…]

Palavras-chave: Ideologia; Geografia; Escola; Instituição social; Espaço da fábrica; Ensino.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Vânia Rúbia Farias Vlach, Universidade Federal de Uberlandia (UFU).

Professora do Departamento de Geografia da Universidade Federal de Uberlandia (UFU).

Downloads

Publicado

2009-05-11

Como Citar

VLACH, V. R. F. Da ideologia no ensino da Geografia de 1º a 2º Graus. Educação e Filosofia, Uberlândia, v. 1, n. 1, p. 35–44, 2009. DOI: 10.14393/REVEDFIL.v1n1a1986-2019. Disponível em: https://seer.ufu.br/index.php/EducacaoFilosofia/article/view/2019. Acesso em: 22 jul. 2024.