AIUB, Mônica. Filosofia da mente e psicoterapias. Rio de Janeiro: Wak, 2009. 184 p.

Autores

  • José Maurício de Carvalho Universidade Federal de São João del-Rei (São João del-Rei, MG, Brasil)

DOI:

https://doi.org/10.14393/REVEDFIL.issn.0102-6801.v25n49a2011-14

Resumo

O livro de Mônica Aiub discute o fenômeno da causação mental. Por causação ela entende "a relação singular entre uma causa e um efeito, ou a produção de um efeito por uma causa" (p. 15). Este conceito ela aplica à relação mente-cérebro. A questão tornou-se importante devido à sua prática clínica, onde ela aprendeu que as mudanças nas ideias provocam alterações orgânicas. O problema que deseja investigar é como um pensamento pode interagir com o corpo. O livro foi inicialmente concebido como dissertação de mestrado defendida no programa de pós-graduação da UFSCar, em São Carlos - SP. No desenvolvimento da dissertação duas dificuldades precisaram ser vencidas: escolher teorias sobre causação mental que fossem compatíveis com sua experiência clínica e estabelecer uma linha de reflexão que, no âmbito da filosofia acadêmica, superasse o uso da metodologia clínica, pois o atendimento no consultório transcende os procedimentos da meditação filosófica.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

José Maurício de Carvalho, Universidade Federal de São João del-Rei (São João del-Rei, MG, Brasil)

Downloads

Como Citar

CARVALHO, J. M. de. AIUB, Mônica. Filosofia da mente e psicoterapias. Rio de Janeiro: Wak, 2009. 184 p. Educação e Filosofia, Uberlândia, v. 25, n. 49, p. 321–330, 2011. DOI: 10.14393/REVEDFIL.issn.0102-6801.v25n49a2011-14. Disponível em: https://seer.ufu.br/index.php/EducacaoFilosofia/article/view/13349. Acesso em: 4 mar. 2024.