A EDUCAÇÃO ESCOLAR NA PRODUÇÃO DISCURSIVA DA REVISTA VEJA

Autores

  • Iara Guimarães Universidade Federal de Uberlandia (Uberlândia, MG, Brasil)

DOI:

https://doi.org/10.14393/REVEDFIL.issn.0102-6801.v25n49a2011-03

Palavras-chave:

Educação. Escola. Discurso jornalístico.

Resumo

* Doutora em Educação pela Universidade de São Paulo. Professora da Faculdade de Educação da Universidade Federal de Uberlândia e do Programa de Pós-Graduação em Educação (FACED/UFU).

1 Este texto faz parte da tese de douramento, "Sobre os sentidos e ensinar e compreender o mundo: discurso jornalístico e ensino de Geografia", defendida pela autora na Faculdade de Educação da Universidade de São Paulo em 2006.

A educação escolar na produção discursiva da

Revista Veja

Resumo: O presente trabalho analisa o modo como o jornalismo constrói e põe em circulação toda uma discursividade sobre a importância e o papel da escola no atual contexto. Analisamos, de modo particular, a produção da Revista Veja, um das publicações mais representativas da imprensa escrita brasileira em termos de circulação, tiragem e influência na agenda de debate público nacional. Adotamos a análise do discurso como proposta teórica e metodológica para a leitura e interpretação dos textos. Com base nessa perspectiva, buscamos, na materialidade textual, apreender os modos de funcionamento, os consensos produzidos, as repetições e também a emergência da multiplicidade de sentidos que o jornalístico produz sobre o papel, as perspectivas e os desafios da educação escolar em nosso país.

Palavras-chave: Educação. Escola. Discurso jornalístico.

Abstract: The present work analyzes how journalism builds up and circulates discoursiveness about the school in present context. We particularly investigated the production of magazine "Veja", the more representative products of Brazilian written press in terms of circulation, issuing and influence on the national public discussion calendar. We adopted the Discourse Analysis as a theoretical and methodological proposal for the reading and interpretation of the written press production. Based on that perspective, we tried to apprehend operation manners, produced consents, (non-said) statements, repetitions and also the emergency of the 'different' and of the multiplicity of senses that the journalistic discourse can produce about a school education in Brazil.

Keywords: Education. School. Journalistic discourse.

Referências:

BRASIL, Conselho Nacional de Educação. Diretrizes Curriculares Nacionais para a Formação de Professores da Educação Básica, em Nível Superior, Curso de Licenciatura de Graduação Plena. Brasília, DF, 08/05/2001. Relatório.

CHARLOT, B. Da relação com o saber. Porto Alegre: Artes Médicas, 2000.

ESTEVE. J M. A terceira revolução educacional. São Paulo: Moderna, 2004.

FORQUIN, J.C. Escola e cultura. Porto Alegre: Artes Médicas, 1993.

GIROUX, H. Memória e pedagogia no maravilhoso mundo da Disney. In: SILVA, T. T. da (Org.). Alienígenas na sala de aula: uma introdução aos estudos culturais na educação. Petrópolis, RJ: Vozes, 1995. p. 132-158.

KUCINSKI, B. A síndrome da antena parabólica: ética no jornalismo brasileiro. São Paulo: Editora Fundação Perseu Abramo, 1998.

MARIANI, B. O PCB e a imprensa: os comunistas no imaginário dos jornais (1922-1989). Campinas, SP: Unicamp, 1998.

ORLANDI, E. P. (Org.). A leitura e os leitores. Campinas, SP: Pontes, 1998.

______. O inteligível, o interpretável e o compreensível. In: ZILBERMAN, R. e SILVA, E. T. (Orgs.). Leitura: perspectivas interdisciplinares. São Paulo: Ãtica, 2001.

PIOVEZANI FILHO, C. F. Política midiatizada e mídia politizada: fronteiras mitigadas na pós-modernidade. In: GREGOLIN, M. do R. Discurso e mídia. São Carlos, SP: Claraluz, 2003. p. 49-66.

SACRISTÃN, J. G. Educar e conviver na cultura global - as exigências da cidadania. Porto alegre: Artmed, 2002.

SANTOS, M. O país distorcido: o Brasil, a globalização e a cidadania. São Paulo: Publifolha, 2002.

SCALZO, M. Jornalismo de revista. São Paulo: Contexto, 2003.

TORRES, R. M. Tendências da formação docente nos anos 90. In: Novas políticas educacionais: críticas e perspectivas. São Paulo: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, 1998. p. 173-191.

Data de registro: 18/08/10

Data de Aceite: 08/09/2010

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Iara Guimarães, Universidade Federal de Uberlandia (Uberlândia, MG, Brasil)

Downloads

Publicado

2011-07-20

Como Citar

GUIMARÃES, I. A EDUCAÇÃO ESCOLAR NA PRODUÇÃO DISCURSIVA DA REVISTA VEJA. Educação e Filosofia, Uberlândia, v. 25, n. 49, p. 71–98, 2011. DOI: 10.14393/REVEDFIL.issn.0102-6801.v25n49a2011-03. Disponível em: https://seer.ufu.br/index.php/EducacaoFilosofia/article/view/13336. Acesso em: 15 jul. 2024.