PESQUISA EM HISTORIA DA EDUCAÇÃO

SITUAÇÃO ATUAL

Autores

  • Geraldo Inácio Filho Universidade Federal de Uberlandia (UFU)

DOI:

https://doi.org/10.14393/REVEDFIL.v18nn.%20ESPa2004-11220

Palavras-chave:

Historia da Educação, Historiografia, Núcleos de Pesquisa

Resumo

O objetivo do presente trabalho é discutir a inserção da História da Educação no contexto educacional brasileiro hoje. Para tanto passamos pela situação da pesquisa na referida Área em três períodos: antes de 1980, durante os anos 1980 e nos anos 1990. Os Núcleos de Pesquisa da área, sua importância para a pesquisa também são levados em consideração no presente estudo. Em diversas localidades e em acordo com cada especificidade regional os Núcleos de Pesquisa dedicam-se a catalogação de fontes de pesquisa possibilitando um trabalho profissionalizado quanto ao estudo da História da Educação, além de possibilitar aos Historiadores do futuro acesso aos arquivos preservados, desse nosso passado educacional ora em estudo.

Palavras-chave: História da Educação; Historiografia; Núcleos de Pesquisa.

 

Abstract: The objective of this work is to discuss the insertion of History of Education in the current Brazilian educational context. As such, we situate the research in this area in three periods: before 1980) during the 1980's and in the 1990's. Research centers in this area and their importance for research are also taken into consideration in this study. In diverse locations and in accordance with specific regional characteristics, Research Centers are dedicated to cataloging sources of research. making professional work possible regarding the study of the History of Education. Additionally. They allow future historians access to archives of our educational past now under study.

Key words: History of Education; Historiography; Research Centers.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Geraldo Inácio Filho, Universidade Federal de Uberlandia (UFU)

Referências

ALVES, G. L. (2001). Nacional e Resgional na História Educacional Brasileira: uma análise sob a ótica dos Estados Mato-Grossenses. In: Educação Brasileira, história e historiografia. Campinas: Autores Associados/SBHE, pp, 163-188.

ALVES, G. L. & GALINARI, L. A. (1988). Catálogo bibliográfico da educação sul-mato-grossense. Campo Grande: UFMS.

ARAÚJO, J. C. & GAITI JR., D. (2002). Novos temas em História da Educação; instituições escolares e educação na imprensa. Campinas/Uberlândia: Autores Associados: EdUFU.

BATISTA, A. A. G. (2002). Livros escolares de leitura: uma morfologia (1866-1956). Revista Brasileira de Educação, n. 20, Campinas: Autores Associados' Anped, pp. 27-47, maio-ago. https://doi.org/10.1590/S1413-24782002000200003

BUFFA, E. (1990). Contribuição da História para o enfrentamento dos problemas educacionais contemporâneos. Em Aberto, n. 47, pp. 13-19, Brasília, jul-set.

CARDOSO, C. F. S. (1994). Paradigmas rivais na historiografia atual. Educação e Sociedade, n. 47, pp. 61-72, abr.

CAMARA BASTOS, M. H. (2000). Ferdinand Buisson no Brasil pistas, vestígios e sinais de suas idéias pedagógicas (1870-1900). História da Educação. n. 8, Pelotas: UFPe1, pp. 79-109.

CARVALHO, C. H. (2002). Os discursos educacionais presentes na Imprensa Uberlandense 1920-1950). Cadernos de História da Educação, n. 01, Uberlândia: EdUFU, pp. 19-24,

CARVALHO. L. R. (2001). A Educação Brasileira e a sua periodização. Revista Brasileira de História da Educação, n. 02. Campinas: Autores Associados/SBHE, pp. 137-153, jul-dez. https://doi.org/10.1590/S1413-24782001000200011

CARVALHO. M. M. C. (1994). Uso do impresso nas estratégias católicas de conformação do campo doutrinário da pedagogia (1931-1935). Cadernos Anped. n.7, Belo Horizonte: Anped, pp. 41-60, dez.

CUNHA, L. A (1984). Diretrizes para o estudo histórico do ensino superior no Brasil. Em Aberto, n. 23, pp. 6-26, Brasília, set-out.

DEMARTINI. Z. de B. F. (1984). Velhos mestres das novas escolas; um estudo das memórias de professores da Primeira República em São Paulo. São Paulo: Centro de Estudos Rurais e Urbanos (CERU), Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (INEP

DOSSE. F. (1994). A História em migalhas: dos Annales à Nova História. Trad. Dulce A. S. Ramos. 3ed São Paulo: Ensaio/Campinas: EdUNICAMP.

ESPÍNDOLA, A. L. (1997). A alfabetização em Mato Grosso do Sul 1983-1990. interMeio revista do mestrado em educação, n. 06, Campo Grande: Ed. UFMS, pp. 12-26.

FARIA FILHO, L. M. (org.) (1999). Pesquisa em História da Educação: perspectivas de análise, objetos e fontes. Belo Horizonte: HG Edições.

(2000). Dos pardieiros aos palácios; cultura escolar e urbana em Belo Horizonte na Primeira República. Passo Fundo: UPF.

FOLHA DE SÃO PAULO (1996), Nova enciclopédia ilustrada da folha. São Paulo, v I.

GASPARELLO, A. M. (1999). História e livro didático: a produção de um saber escolar. In: FARIA FILHO, L. M. (org). Pesquisa em História da Educação; perspectivas de análise, objetos e fontes. Belo Horizonte: HG Edições, pp. 169179.

GATTI JR. (2002). Apontamentos sobre a pesquisa histórico-educacional no campo das Instituições Escolares, Cadernos de História da Educação, n- 01, Uberlândia: Ed. UFU, pp. 29-31

_______. (2000). Reflexões teóricas sobre a História das Instituições Educacionais. Ícone, vol. 6, n. 2, Uberlândia: UNIT, pp. 131-147.

_______. e outros (1996). Fabricando interpretações: primeiros passos rumo à construção da história educacional do Triângulo Mineiro e Alto Paranaíba. Boletim do CDHIS. 9(17): 2-3, Uberlândia: UFC.

GHIRALDELLI JR, P. (1994). Educação e Razão Histórica. São Paulo: Cortez.

_______. (1990), História da Educação. São Paulo: Cortez.

_______. (1991) Pedagogia e luta de classes no Brasil (1930-1937). Ibitinga: Humanidades.

_______. (1993). Três estudos em historiografia da educação. Ibitinga: Humanidades.

GONÇALVES NETO, W. (1994). Estímulos e bases para a pesquisa histórica. Boletim do CDHIS, n. 11. p. 5, Uberlândia: UFU.

GOUVEIA, A. J. (1971). A pesquisa educacional no Brasil. Revista Brasileira de Estudos Pedagógicos, n. 122, pp. 209-241, Rio de Janeiro: INEP, abr-jun.

INÁCIO FILHO, G. (2003), A monografia na universidade. 6ed Campinas: Papirus.

IN ACIO FILHO, G. e outros (1983). Universidade e Pesquisa: condições de pesquisa no Centro de Ciências Humanas e Artes da Universidade Federal de Uberlândia. Uberlândia: Ed. UFU.

JULIA, D. (2001 A cultura escolar como objeto histórico. Revista Brasileira de História da Educação, n. 01, Campinas: Autores Associados, pp. 09-43, jan-jun.

KNAUSS, P. (2001). Entre normas e conflitos o cotidiano escolar na documentação do Arquivo Público do Estado do Rio de Janeiro. In: Educação ao Brasil, história e historiografia. Campinas: Autores Associados/SBHE, pp. 205-216.

KREU'IZ, L. (1997). Literatura escolar dos imigrantes alemães no Rio Grande do Sul: fonte inexplorada na História da Educação. In: CATINI, D. B. & CA_tv1ARA BASTOS. M. H. (orgs) Educação em Revista a imprensa periódica ea História da Educação, pp. 1 11-125.

LE GOFF, J. e NORA P. (orgs) (1977). Fazer História. Trad. Maria E. Correa. Lisboa: Bertrand. 3 vols.

LIMA. S. C. F. (2002).0 intelectual e a política. Cadernos de História da Educação, n. 01, Uberlândia: EdUFU, pp.93-96.

LOMBARDI, J. C. (1999). Historiografia Educacional Brasileira e os Fundamentos Teórico-Metodológicos da História. In: LOMBARDI. J, C. (ore.) (1999). Pesquisa em Educação: história, filosofia e temas transversais. Campinas/Caçador: Autores Associados/UnC, pp. 7-32.

LOPES. A. A. M. A e outros (2002). História da Educação em Minas Gerais. Belo Horizonte: FCH/FUMEC.

LOPES, E. M. T. (1986). Perspectivas históricas da educação. São Paulo: Atlas.

______. (1990). Uma contribuição da história para a história da educação. Em Aberto, n. 47, pp, 29-35, Brasília: INEP, jul-set.

LOURO, G. L. (1990). A História (oral) da educação: algumas reflexões. Em Aberto, n. 47 21-28, Brasília: INEP, jul-set.

MOTTA-, C.G. (1975). A historiografia brasileira nos últimos quarenta anos; tentativa de avaliação crítica. Debate e crítica. n. 5. pp. 11-26, São Paulo. mar.

NUNES, C. (1990a). Guia preliminar de fontes para a história da educação brasileira: reconstituição de uma experiência. Revista Brasileira de Estudos Pedagógicos, n. 167. pp. 7-31, Brasília: INEP, jan-abr.

(1990b). História da Educação: espaço do desejo. Em Aberto, n. 47, pp. 37-45, Brasília: INPE, jul-set.

PEIXOTO, A. M. C. (2001). A memória em Minas Gerais: entre 0 descarte e a preservação. In: Educação no Brasil, história e historiografia, Campinas: Autores Associados/SBHE. pp. 189-204.

REIS FILHO. C. R. (1998). índice básico da legislação do ensino paulista: 18901945. Campinas: FE-UNICAMP

Downloads

Publicado

2010-11-19

Como Citar

FILHO, G. I. PESQUISA EM HISTORIA DA EDUCAÇÃO: SITUAÇÃO ATUAL. Educação e Filosofia, Uberlândia, v. 18, n. n. ESP, p. 23–40, 2010. DOI: 10.14393/REVEDFIL.v18nn. ESPa2004-11220. Disponível em: https://seer.ufu.br/index.php/EducacaoFilosofia/article/view/11220. Acesso em: 13 jul. 2024.