Entrevista - Ações Afirmativas no Ensino Superior brasileiro: uma análise da trajetória política

Prof.ª Drª. Maria Alice Rezende

Autores

  • Debora Cristina Jeffrey Universidade Estadual de Campinas - Brasil

DOI:

https://doi.org/10.14393/REPOD-v11n1a2022-64893

Palavras-chave:

Política Educacional, Ações Afirmativas, Cotas Étnico-Raciais, Heteroidentificação, NEABI

Resumo

Entrevista concedida pela Prof.ª Drª. Maria Alice Rezende Gonçalves, da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ), Pós-Doutora em Antropologia (École des Hautes Études en Sciences Sociales e UFRJ), que realiza um balanço das políticas de ações afirmativas, sua trajetória política e histórica, com reflexões significativas no que tange à Lei nº 12.711/2012 (Lei de Cotas), Comissão de Heteroidentificação, Núcleo de Estudos Afro-brasileiro e Indígena (NEABI), bem como os desafios existentes em relação ao seu futuro.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Métricas

Carregando Métricas ...

Biografia do Autor

Debora Cristina Jeffrey, Universidade Estadual de Campinas - Brasil

Organização do Dossiê – REPOD [Entrevistadora]. Livre-Docente. Universidade Estadual de Campinas, Campinas, São Paulo, Brasil.

Downloads

Publicado

2022-03-01

Como Citar

Jeffrey, D. C. . (2022). Entrevista - Ações Afirmativas no Ensino Superior brasileiro: uma análise da trajetória política: Prof.ª Drª. Maria Alice Rezende. Revista Educação E Políticas Em Debate, 11(1), 23–29. https://doi.org/10.14393/REPOD-v11n1a2022-64893

Edição

Seção

DOSSIÊ - POLÍTICA DE AÇÕES AFIRMATIVAS EM INSTITUIÇÕES DO ENSINO SUPERIOR (IES): EM DEBATE O ACESSO E A EQUIDADE