Gestão Universitária: a relação entre as características do Corpo Docente e o Desempenho Discente / University Management: the relationship between the Academic Staff characteristics and the Students Performance

Autores

DOI:

https://doi.org/10.14393/REPOD-v9n2a2020-55125

Palavras-chave:

Gestão Universitária, Características do Docente, ENADE, Desempenho

Resumo

Esta pesquisa procurou explicar, por meio de regressões múltiplas, a relação entre 7 fatores característicos dos docentes e o desempenho dos discentes medido a partir do Exame Nacional de Desempenho de Estudantes (ENADE) e Indicador da Diferença entre os Desempenhos Observado e Esperado (IDD). A pesquisa com abordagem quantitativa coletou dados de 63 cursos/campi nas bases de dados do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas (INEP) e da Universidade Estácio de Sá (UNESA). Os resultados da pesquisa indicam a relevância de iniciativas de: (i) valorização dos professores com titulação de doutor, (ii) melhoria do processo de orientação de trabalhos de conclusão, (iii) gerenciamento da experiência no magistério (idade) e (iv) análise e reflexão sobre os resultados da avaliação da prática pedagógica, com a finalidade de melhorar o desempenho dos discentes.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Métricas

Carregando Métricas ...

Biografia do Autor

Jose Geraldo Pereira Barbosa, Universidade Estácio de Sá - Rio de Janeiro - Brasil

Doutor em Administração pela Universidade Federal do Rio de Janeiro. Professor do Mestrado em Administração e Desenvolvimento Empresarial da Universidade Estácio de Sá. Professor do Curso de Administração Pública da Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro.

Alyne Alves Trindade, Universidade Estácio de Sá - Rio de Janeiro - Brasil

Mestre em Administração e Desenvolvimento Empresarial pela Universidade Estácio de Sá.

Marco Aurélio Carino Bouzada, Universidade Estácio de Sá - Rio de Janeiro - Brasil

Doutor em Administração pela Universidade Federal do Rio de Janeiro. Professor do Mestrado em Administração e Desenvolvimento Empresarial da Universidade Estácio de Sá.

Referências

BAK, H. J.; KIM, D. H. Too much emphasis on research? An empirical examination of the relationship between research and teaching in multitasking environments. Research in Higher Education Policy Analysis Archives, v. 56, n. 8, p. 843–860, 2015. DOI: https://doi.org/10.1007/s11162-015-9372-0.

BARBOSA, G. D. C.; FREIRE, F. D. S.; CRISÓSTOMO, V. L. Análise dos indicadores de desempenho de gestão das IFES e o desempenho discente no ENADE. Avaliação: Revista da Avaliação da Educação Superior (Campinas), v. 16, n. 2, p. 317–344, 2011. DOI: https://doi.org/10.1590/s1414-40772011000200005.

BARNEY, J. B. Firm resources and sustained competitive advantage. Journal of Management, vol. 17, n. 1, p. 99-120, 1991. DOI: https://doi.org/10.1177/014920639101700108.

BARRES, B. A. How to pick a graduate advisor. Neuron, v. 80, n. 2, p. 275–279, 2013. DOI: https://doi.org/10.1016/j.neuron.2013.10.005.

BOSI, A. P. A precarização do trabalho docente nas instituições de ensino superior do Brasil nesses últimos 25 anos. Educação & Sociedade, Campinas, v. 28, n. 101, p. 1503-1523, set./dez. 2007. DOI: https://doi.org/10.1590/s0101-73302007000400012.

COLLINS, H. M.; EVANS, R. The third wave of science studies: studies of expertise and experience. Social Studies of Science, v. 32, n. 2, p. 235–296, 2002. DOI: https://doi.org/10.1177/0306312702032002003.

CROCKER, R. M.; KAHLA, M.; ALLEN, C. Fixing advising : a model for faculty advising. Research in Higher Education, v. 26, p. 1–9, 2014.

DARLING-HAMMOND, L. Teacher quality and student achievement : a review of state policy evidence previous research. Education Policy Analysis Archives, v. 8, n. 1, p. 1–44, 2000. DOI: https://doi.org/10.14507/epaa.v8n1.2000.

DOLTON, P.; MARCENARO-GUITERREZ, O. D. Teacher pay and pupil performance. Economic Policy, n. 1, p. 5–55, 2011. DOI: https://doi.org/10.1111/j.1468-0327.2010.00257.x.

EHRENBERG, R. G. Econometric Studies of Higher Education. Journal of Econometrics, v. 121, n. 1–2, p. 19–37, 2004.

GALBRAITH, C. S.; MERRILL, G. B. Faculty research productivity and standardized student learning outcomes in a university teaching environment: a bayesian analysis of relationships. Studies in Higher Education, v. 37, n. 4, p. 469–480, 2012. DOI: https://doi.org/10.1080/03075079.2010.523782.

HARRISON, E. M. The Faculty Advisor Evaluation Questionnaire: psychometric properties. Nursing Education Perspectives, v. 35, n. 6, p. 380–386, 2014. DOI: https://doi.org/10.5480/12-916.1.

HAZELKORN, E. How Rankings are Reshaping Higher Education. In: Los Rankings Univeritarios. Mitos y Realidades. Madrid, 2013.

HAZELKORN, E. Rankings and the reshaping of higher education: the battle for world class excellence. 2. ed. Basingstoke: Palgrave Macmillan, 2015.

INEP. Nota Técnica Nr 03/2017/CGCQES/DAES. Brasília: INEP, 2017.

JIN, G. Z.; WHALLEY, A. US News Rankings and college reactions. 2006. 48 p.

KINI, T.; PODOLSKY, A. Does teaching experience increase teacher effectiveness? A review of the research. Palo Alto: Learning Policy Institute, 2016. 72 p. (Report)

LEE, A. Successful research supervision: advising students doing research. New York: Routldge, 2012. 200 p.

MACCARI, E. A.; LIMA, M.C.; RICCIO, E.L. Uso do Sistema de Avaliação da Capes por Programas de Pós-Graduação em Administração no Brasil. Revista de Ciências da Administração, [S.L], v. 2, n. 25, p. 68-96, set./dez. 2009. DOI: https://doi.org/10.5007/2175-8077.2009v11n25p68.

MELLO, J.; SOUSA, F. Caminhos formacionais na engenharia de produção: a formação docente e os resultados do ENADE 2011. Revista Gestão Universitária na América Latina-GUAL, v. 8, n. 2, p. 199–215, 2015. DOI: https://doi.org/10.5007/1983-4535.2015v8n2p199.

MIRANDA, G. J.; NOVA, S. P. DE C. C.; CORNACCHIONE JUNIOR, E. B. To sir with love: the relations between teacher qualification and student performance in Accounting. Business Management Review, v. 15, n. 48, p. 462–480, 2013. DOI: https://doi.org/10.7819/rbgn.v15i48.1351.

NÓVOA, A. Os Professores na Virada do Milênio: do excesso dos discursos à pobreza das práticas. Educação e Pesquisa, São Paulo, v. 25, n. 1, p. 11-20, jan./jun. 1999. DOI: https://doi.org/10.1590/s1517-97021999000100002.

NUERNBERG, E.; ENSSLIN, S. CARDOSO, T.; VALMORBIDA, S. Gestão universitária: identificação e análise dos indicadores utilizados na literatura. CONTEXTUS Revista Contemporânea de Economia e Gestão, v. 14, n. 3, p. 14–3, 2016. DOI: https://doi.org/10.19094/contextus.v14i3.822.

PALMER, S. Student evaluation of teaching: keeping in touch with reality. Quality in higher education, v. 18, n. 3, p. 297–311, 2012. DOI: https://doi.org/10.1080/13538322.2012.730336.

PAN, W.; COTTON, D.; MURRAY, P. Linking research and teaching: context, conflict and complementarity. Innovations in Education & Teaching International, v. 51, n. 1, p. 3–14, 2014. DOI: https://doi.org/10.1080/14703297.2013.847794.

REYERO, D. Teaching excellence at the university. Analysis and proposals for better evaluation of university teacher. Educación XX1, v. 17, n. 2, p. 125–143, 2014.

ROCHA, C. H.; MACHADO, A. L. M. O desempenho universitário acadêmico-pedagógico versus o desempenho financeiro. Revista de Economia Contemporânea, v. 7, n. 1, p. 161–168, 2003.

SAMUELS, H. B. Comprehensive academic undergraduate advising services: one university’s successful model. 2016. 189 p. Thesis (Doctor of Education in Educational Leadership Studies) - West Virginia University, Morgantown. DOI: https://doi.org/10.33915/etd.6562.

SANTOS, N. DE A. Determinantes do desempenho acadêmico dos alunos do curso de ciências contábeis. 2012. 257 p. Tese (Doutorado em Controladoria e Contabilidade) - Universidade de São Paulo, São Paulo. DOI: https://doi.org/10.11606/t.12.2012.tde-11062012-164530.

SILVA, F.; PROTAZIO, B.; SILVA, L.; CASTRO, M. . Influência dos fatores organizacionais e ambientais no desempenho dos estudantes no ENADE. XIX SEMEAD Seminários em Administração. Anais... São Paulo: 2016.

SOUSA, J. S.; HONÓRIO, L. C. Comprometimento organizacional: avaliando professores universitários em regimes diferenciados de carga horária de trabalho. XXXV Encontro da ANPAD. Anais... Rio de Janeiro: 2011.

VERGARA, S. C. Projetos e Relatórios de Pesquisa em Administração. 15. ed. São Paulo: Atlas, 2014. 94 p.

WANG, A.; CHAI, C. S.; HAIRON, S. Exploring the impact of teacher experience on questioning techniques in a Knowledge Building classroom. Computers in Education Journal, April, 2016. DOI: https://doi.org/10.1007/s40692-016-0057-2.

WERNERFELT, B. A Resource-based View of the Firm. Strategic Management Journal, v. 5, n 2, p. 171-180, 1984.

ZONATTO, V.; DALLABONA, L.; MOURA, G.; DOMINGUES, M.; RAUSCH, R.. Evidências da Relação entre Qualificação Docente e Desempenho Acadêmico: uma análise à luz da Teoria do Capital Humano. Sociedade, Contabilidade e Gestão, v. 8, n. 1, p. 6–25, jan. 2013. DOI: https://doi.org/10.21446/scg_ufrj.v8i1.13280.

Downloads

Publicado

2020-07-13

Como Citar

Barbosa, J. G. P. ., Trindade, A. A. ., & Bouzada, M. A. C. . (2020). Gestão Universitária: a relação entre as características do Corpo Docente e o Desempenho Discente / University Management: the relationship between the Academic Staff characteristics and the Students Performance. Revista Educação E Políticas Em Debate, 9(2), 488–507. https://doi.org/10.14393/REPOD-v9n2a2020-55125

Edição

Seção

Dossiê: Políticas de avaliação externa e a questão da qualidade da educação no