A apropriação do Cerrado pelo agronegócio e os novos usos do território

Autores

  • Patricia Francisca de Matos UFU-Campus do Pontal
  • Vera Lúcia Salazar Pessôa UFG-Campus de Catalão

DOI:

https://doi.org/10.14393/RCT91721597

Palavras-chave:

Modernização da Agricultura, Território, Agronegócio, Cerrado

Resumo

O espaço agrário das áreas de Cerrado, nos últimos quarenta anos, tem passado por inúmeras metamorfoses, com significativos efeitos sobre suas funções e conteúdos. Essas mudanças estão atreladas à modernização da agricultura, via agronegócio, a qual se constituiu num processo desigual de expansão do capital. Por isso, este estudo visa analisar a territorialização do agronegócio no Cerrado, procurando destacar o papel do Estado e do capital privado na consolidação desse processo e, consequentemente, os novos usos do território..

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Patricia Francisca de Matos, UFU-Campus do Pontal

Prof. Dra. do Curso de Geografia

Vera Lúcia Salazar Pessôa, UFG-Campus de Catalão

Profa. Dra. do Curso de Pós-Graduação em Geografia

Downloads

Publicado

05-05-2014

Como Citar

MATOS, P. F. de; PESSÔA, V. L. S. A apropriação do Cerrado pelo agronegócio e os novos usos do território . Revista Campo-Território, Uberlândia, v. 9, n. 17 Abr., p. 6–26, 2014. DOI: 10.14393/RCT91721597. Disponível em: https://seer.ufu.br/index.php/campoterritorio/article/view/21597. Acesso em: 18 abr. 2024.

Edição

Seção

Artigos

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)

1 2 > >>