Movimentos sociais rurais e a luta política frente ao modelo de desenvolvimento do agronegócio no Brasil

Autores

  • Raphael Medina Ribeiro Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária - INCRA-Sede/D F
  • João Cleps Junior Universidade Federal de Uberlândia - UFU

DOI:

https://doi.org/10.14393/RCT61112110

Palavras-chave:

Movimentos sociais rurais, Campesinato, Embates políticos, Agronegócio, Conflitualidade

Resumo

Desde a década de 1990 a atuação de corporações transnacionais ligadas aos negócios agrícolas ganhou relevo no Brasil, num movimento de expansão da agricultura capitalista que delineou, desde então, uma nova etapa de modernização técnica da agricultura no país, designada como agronegócio. Por outro lado esse processo compreende subordinações, resistências e respostas dos trabalhadores rurais, camponeses e suas organizações políticas, frente a esse novo cenário desenhado para a agricultura brasileira. Este artigo busca contextualizar e discutir a luta política que envolve os movimentos sociais rurais do país, à luz de um elemento relevante no foco de suas mobilizações na esfera pública a partir de meados da década de 1990: os embates, os enfrentamentos e as resistências frente ao modelo do agronegócio. No Brasil, o exemplo mais notável desse perfil de mobilização social ocorre nas principais organizações vinculadas à Via Campesina. Dessas, o MST se destaca graças ao alcance expressivo de sua atuação manifestada em discursos, notas públicas, entrevistas e demais estratégias, que se propagam no cenário público nacional, como também por ações diretas em que a pauta de denúncia e contestação ao agronegócio se pronuncia.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Raphael Medina Ribeiro, Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária - INCRA-Sede/D F

Mestre em Geografia pelo Programa de Pós-Graduação em Geografia da UFU.

João Cleps Junior, Universidade Federal de Uberlândia - UFU

Pesquisador CNPq

Downloads

Publicado

02-03-2011

Como Citar

RIBEIRO, R. M.; CLEPS JUNIOR, J. Movimentos sociais rurais e a luta política frente ao modelo de desenvolvimento do agronegócio no Brasil . Revista Campo-Território, Uberlândia, v. 6, n. 11 Fev., p. 75–112, 2011. DOI: 10.14393/RCT61112110. Disponível em: https://seer.ufu.br/index.php/campoterritorio/article/view/12110. Acesso em: 14 jul. 2024.

Edição

Seção

Artigos

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)

1 2 3 4 5 > >>