Formação continuada de Gestores Escolares no Brasil: uma Revisão Sistemática da Literatura sobre Políticas e suas perspectivas

Autores

DOI:

https://doi.org/10.14393/REPOD-v13n1a2024-68698

Palavras-chave:

Educação, Gestão Educacional, Formação continuada

Resumo

O Gestor Escolar contemporâneo atua em um contexto de democratização, inovação e realinhamento global da educação e lhe são constantemente exigidos novos conhecimentos e habilidades, o que requer uma ampla formação. O objetivo deste estudo é analisar trabalhos que discutem sobre a formação continuada do Gestor Escolar, identificando as lacunas na legislação e perspectivas sobre o futuro do tema. Para tanto, realizou-se uma Revisão Sistemática da Literatura, proposta por Kitchenham e Charters (2007), de natureza qualitativa e bibliográfica. Constatou-se que a formação deve ser ampla e diversificada. Verificou-se a necessidade de expansão das ações e políticas de formação, com previsão de grandes avanços no campo das tecnologias digitais e observaram-se lacunas legais relacionadas à temática.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Métricas

Carregando Métricas ...

Biografia do Autor

Soraia Gadelha Carolino, Instituto Universitário de Lisboa - Portugal

Doutoranda em Políticas de Administração e Gestão Escolar. ISCTE - Instituto Universitário de Lisboa. Lisboa, Portugal.

Luís Manuel Antunes Capucha, Instituto Universitário de Lisboa - Portugal

Doutor em Sociologia. ISCTE - Instituto Universitário de Lisboa. Lisboa, Portugal.

Francisco Herbert Lima Vasconcelos, Universidade Federal do Ceará - Brasil

Doutor em engenharia de teleinformática. UFC - Universidade Federal do Ceará. Ceará, Brasil.

Mateus de Lima Brito, Universidade Federal do Ceará - Brasil

Mestrando em Tecnologia Educacional (PPGTE). UFC - Universidade Federal do Ceará. Ceará, Brasil.

Referências

ALMEIDA, M. E. B. A educação a distância na formação continuada de gestores para a incorporação de tecnologias na escola. ETD - Educação Temática Digital. n. 2, p. 186-202, v. 10. 2009. Disponível em: https://www.ssoar.info/ssoar/bitstream/handle/document/7184/ssoar-etd-2009-2 almeida_educacao_a_distancia_na.pdf?sequence=1&isAllowed=y&lnkname=ssoar-etd-2009-2-almeida-a_educacao_a_distancia_na.pdf. Acesso em: 10 mar. 2023. DOI: https://doi.org/10.20396/etd.v10i2.985.

BRASIL. [Constituição (1988)]. Constituição da República Federativa do Brasil. Brasília, DF: Senado Federal, 2016. 496 p. Disponível em: https://www2.senado.leg.br/bdsf/bitstream/handle/id/518231/CF88_Livro_EC91_2016.pdf. Acesso em: 30 mar. 2023.

BRASIL, Plano Nacional de Educação. Lei nº 13.005, de 25 de junho de 2014. Disponível em: http://pne.mec.gov.br/. Acesso em 04 de mai. de 2023.

BRASIL. Ministério da Educação. Lei nº 9.394, de 20 de dezembro de 1996. Dispõe sobre a Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/leis/l9394.htm. Acesso em: 27 fev. 2023.

CONTI, C.; LIMA E. F. Curso de Especialização em Gestão Escolar: uma experiência brasileira de Formação Continuada de Diretores de Escola. Revista Iberoamericana de Educación, n. 5, v.69, 2015. Disponível em: https://rieoei.org/RIE/article/view/97. Acesso em 10 abr. 2023. DOI: https://doi.org/10.35362/rie69097.

CURY, J.; PORTELA, R. Política Educacional Brasileira em Perspectiva / Brazilian Educational Policies in Perspective. Revista Educação e Políticas em Debate, [S. l.], v. 1, n. 1, 2012. Disponível em: https://seer.ufu.br/index.php/revistaeducaopoliticas/article/view/17361. Acesso em: 10 abr. 2023. DOI: https://doi.org/10.14393/REPOD-v1n1a2012-17361.

DOURADO, L.F. Políticas e gestão da educação básica no brasil: limites e perspectivas. Educ. Soc., Campinas. v. 2. p. 921-946, 2007. Disponível em: http://www.cedes.unicamp.br/. Acesso em 01 abr. 2023. DOI: https://doi.org/10.1590/s0101-73302007000300014 .

FRANCO, A. P.; CARMO, R. O. S. Tutoria online: desafios da docência em tempos e espaços digitais / Online tutoring: challenges of the teaching in digital times and spaces. Revista Educação e Políticas em Debate, [S. l.], v. 9, n. 1, p. 107–120, 2020. Disponível em: https://seer.ufu.br/index.php/revistaeducaopoliticas/article/view/54803. Acesso em: 28 fev. 2023. DOI: https://doi.org/10.14393/REPOD-v9n1a2020-54803.

GOMES, A.; Santos, A. L. F.; Melo, D. B. L. Escola de Gestores: política de formação em gestão escolar. Revista Brasileira de Política e Administração da Educação. Goiânia/GO, v. 25, n. 2, mai./ago, p. 263-281, 2009. Disponível em: https://seer.ufrgs.br/index.php/rbpae/article/view/19496. Acesso em: 03 mar. 2023. DOI: https://doi.org/10.21573/vol25n22009.19496.

KITCHENHAM, B. Procedures for performing systematic reviews. Keele, UK, Keele University, v. 33, p. 1-26, 2004. Disponível em: https://www.inf.ufsc.br/~aldo.vw/kitchenham.pdf. Acesso em: 10 mar. 2023.

KITCHENHAM, B.; CHARTERS, S. Guidelines for performing Systematic Literature Reviews in Software Engineering. Technical Report EBSE 2007-001, Keele University and Durham University Joint Report, 2007.

LUCK, H. A. Escola Participativa: o trabalho do gestor escolar. 5 ed. Rio de Janeiro: DP&A, 2001. p. 13-27.

LUCK, H. Perspectivas da Gestão Escolar e Implicações Quanto à Formação de Seus Gestores. Em Aberto, Brasília/DF, v. 17, n. 72, fev./jun., p. 11-33, 2000. ISSN: 2176-6673. Disponível em: http://rbep.inep.gov.br/ojs3/index.php/emaberto/article/view/2634. Acesso em: 20 mar 2023. DOI: https://doi.org/10.24109/2176-6673.emaberto.17i72.2116.

PARO H. P. Formação De Gestores Escolares: A Atualidade De José Querino Ribeiro. School Administrators Training: José Querino Ribeiro's Topicality. Educação & Sociedade v. 30, n. 107, p. 453-67, 2009. Disponível em: https://www.scielo.br/j/es/a/xXw4538gBYmHNkQn6q98mYM/?lang=pt. Acesso em: 14 abr. 2023. DOI: https://doi.org/10.1590/S0101-73302009000200008.

RIBEIRO, J.Q. Ensaio de uma teoria de administração escolar. Ed. Revista anot. e ampliada por João Gualberto de Carvalho Meneses. São Paulo: Saraiva, 1978.

RIBEIRO, J.Q. Fayolismo na administração das escolas públicas. São Paulo: Linotechnica, 1938.

RODRIGUES, E. S. de S.; Reis, M. das G. F. de A. dos; Aranda, M. A. de M. A formação continuada para gestores da educação básica e a demanda do cotidiano escolar: uma análise no âmbito das políticas públicas. Revista on line de Política e Gestão Educacional, Araraquara, v. 20, n. 03, p. 444-462, 2016. ISSN: 1519-9029. Disponível em: https://periodicos.fclar.unesp.br/rpge/article/view/9722. Acesso em: 15 abr. 2023. DOI: https://doi.org/10.22633/rpge.v20.n3.9722.

SARAIVA A. M. A. Gestão na Escola Integrada: entre as novas demandas e as propostas de formação. Acta Scientiarum. Education, v. 44, e55784, 2022. ISSN: 2178-520. Disponível em: https://www.redalyc.org/journal/3033/303371539030/html/. Acesso em: 20 mar. 2023. DOI: https://doi.org/10.4025/actascieduc.v44i1.55784.

VIDAL, E. M.; VIEIRA, S. L. Perfil e Formação de Gestores Escolares no Brasil. Dialogia, 0(19). 2014. Disponível em: https://periodicos.uninove.br/dialogia/article/view/4984. Acesso em: 20 mar. 2023. DOI: https://doi.org/10.5585/dialogian19.4984.

VIEIRA, S. L.; VIDAL, E. M. (n.d.). Liderança e gestão democrática na educação pública brasileira. Democratic leadership and management in Brazilian public education. Liderazgo y gestión democrática en la educación pública brasileña. v. 13, p. 11–25, 2019. Disponível em: http://educa.fcc.org.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1982-71992019000100011. Acesso em: 20 mar. 2023. DOI: https://doi.org/10.14244/198271993175.

Downloads

Publicado

2023-12-31

Como Citar

CAROLINO, S. G.; CAPUCHA, L. M. A.; VASCONCELOS, F. H. L.; BRITO, M. de L. Formação continuada de Gestores Escolares no Brasil: uma Revisão Sistemática da Literatura sobre Políticas e suas perspectivas. Revista Educação e Políticas em Debate, [S. l.], v. 13, n. 1, p. 1–16, 2023. DOI: 10.14393/REPOD-v13n1a2024-68698. Disponível em: https://seer.ufu.br/index.php/revistaeducaopoliticas/article/view/68698. Acesso em: 14 jul. 2024.

Edição

Seção

DEMANDA CONTÍNUA