Uso do território, territorialidade e paisagem rural no Vale do Ivaí (PR)

resultados a partir da atuação da Cooperval

Autores

  • Jhonatan dos Santos Dantas Universidade Estadual do Centro Oeste
  • Sergio Fajardo Universidade Estadual do Centro Oeste

DOI:

https://doi.org/10.14393/RCT122704

Resumo

O trabalho em questão demonstra a atuação da Cooperval no Vale do Ivaí (PR) a partir da alteração da paisagem rural. Assim, partimos do pressuposto que o surgimento da Cooperval necessitou de um território como base de sustentação. A partir disto, esse território vem sendo produzido e reproduzido por inúmeras relações de poder estabelecidas. Um dos resultados concreto da atuação da Cooperval é a alteração da paisagem, nas quais as lavouras de cana de açúcar representam um símbolo de poder e um dos principais resultados da apropriação da cooperativa. Através da utilização dos conceitos de território, territorialidade e posteriormente da categoria "paisagem" empregada ao espaço rural, procuramos desenhar noções sobre a influência da Cooperval no Vale do Ivaí (PR).

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Jhonatan dos Santos Dantas, Universidade Estadual do Centro Oeste

Licenciado em Geografia - FAFIJAN

Mestre em Geografia - PPGG/UNICENTRO

Docente no departamento de Arquitetura e Urbanismo da Faculdades Guarapuava - UNIGUA. 

Pesquisa nas áreas de desenvolvimento regional/ setor sucroenergético/ desenvolvimento territorial. 

Sergio Fajardo, Universidade Estadual do Centro Oeste

Doutor em Geografia FCT/UNESP

Docente do departamento de Geografia da UNICENTRO

Docente no Programa de Pós Graduação em Geografia da UNICENTRO - Orientador (mestrado e doutorado) 

 

Downloads

Publicado

18-10-2018

Como Citar

DANTAS, J. dos S.; FAJARDO, S. Uso do território, territorialidade e paisagem rural no Vale do Ivaí (PR): resultados a partir da atuação da Cooperval. Revista Campo-Território, Uberlândia, v. 12, n. 27 Ago., 2018. DOI: 10.14393/RCT122704. Disponível em: https://seer.ufu.br/index.php/campoterritorio/article/view/38576. Acesso em: 21 maio. 2024.

Edição

Seção

Artigos