ENXERTO HOMÓLOGO DE JEJUNO NO REPARO DO TENDÃO DO MÚSCULO GASTROCNÊMIO DE COELHOS

Autores

  • Eneida Cesar Mastrantonio Universidade Federal de Uberlândia Faculdade de Medicina Veterinária
  • Duvaldo Eurides Universidade Federal de Uberlândia Faculdade de Medicina Veterinária
  • Marcelo Emílio Beletti Universidade Federal de Uberlândia Faculdade de Medicina Veterinária
  • Luiz Augusto Souza Universidade Federal de Goiás Escola deMedicina Veterinária
  • Francisco Claudio Dantas Mota Universidade Federal de Uberlândia Faculdade de Medicina Veterinária

Palavras-chave:

implante, intestino, cicatrização, cirurgia

Resumo

Foram utilizados 24 coelhos (Oryctolagus cuniculus) machos, da raça Nova Zelândia, para avaliar a integração tecidual do tendão do músculo gastrocnêmio envolvido com segmento de jejuno homólogo desprovido de epitélio e lâmina própria da túnica mucosa e preservado em glicerina a 98%. Os animais foram divididos em quatro grupos e anestesiados com cetamina (25 mg/kg) e xilazina (5 mg/kg). Os tendões do membro pélvico esquerdo e direito foram seccionados e aproximados por pontos de reforço e sutura modificada de Kessler. O local da aproximação do tendão do membro pélvico esquerdo foi envolvido com segmento de jejuno e avaliado após 15, 30, 60 e 90 dias de pós-operatório (PO). Aos 15 dias, o enxerto encontrava-se em avançado processo de reabsorção, com infiltrado inflamatório e neovascularização, onde iniciou a evolução no processo cicatricial, com substituição do tecido de granulação por tecido conjuntivo denso modelado. Aos 30, 60 e 90 dias de PO, as extremidades dos tendões controles e enxertados mostravam-se coaptadas e alinhadas. O tecido cicatricial no grupo enxertado estava mais organizado e maduro, em relação aos tendões do grupo controle. O segmento intestinal utilizado preservado em glicerina estimula a fibroproliferação no local da anastomose.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Duvaldo Eurides, Universidade Federal de Uberlândia Faculdade de Medicina Veterinária

Faculdade de Medicina Veterinária

Marcelo Emílio Beletti, Universidade Federal de Uberlândia Faculdade de Medicina Veterinária

ICBIM Morfologia

Downloads

Publicado

2013-08-08

Como Citar

Mastrantonio, E. C., Eurides, D., Beletti, M. E., Souza, L. A., & Mota, F. C. D. (2013). ENXERTO HOMÓLOGO DE JEJUNO NO REPARO DO TENDÃO DO MÚSCULO GASTROCNÊMIO DE COELHOS. Veterinária Notícias, 18(2). Recuperado de https://seer.ufu.br/index.php/vetnot/article/view/22254