A Educação a Distância nas Políticas Públicas de Formação Continuada de Professores

Autores

DOI:

https://doi.org/10.14393/REPOD-v8n2a2019-47393

Palavras-chave:

Educação a Distância, Políticas públicas, Formação continuada, Professor

Resumo

Este artigo tem como tema as políticas públicas de formação continuada de professores por meio da Educação a Distância – EAD e traz a seguinte questão problema: como as políticas de EAD se constituíram historicamente no Brasil e são implementadas na formação de educadores? Tem-se por objetivo analisar como a modalidade de EAD se inseriu, a partir da Lei de Diretrizes e Bases – LDB de 1996, nas políticas públicas de formação continuada de professores, especialmente nos Planos Nacionais de Educação. Utilizou-se como metodologia a pesquisa bibliográfica, qualitativa e de caráter exploratório, tendo por base autores como Dourado (2008), Belloni (2003), Nogueira (2011), Costa e Zanatta (2010), Pretto e Riccio (2010). O estudo aponta que as mudanças no sistema produtivo mundial influenciaram fortemente as políticas públicas, resultando em reformas para atender a demanda de novos profissionais, inclusive na educação.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Métricas

Carregando Métricas ...

Referências

AGUIAR, S.F. de As Políticas Públicas Educacionais do Governo Lula e a Educação a Distância. Dissertação de mestrado. Belo Horizonte: Centro Federal de Educação Tecnológica de Minas Gerais, 2012. Disponível em: < http:// www.files.scire.net.br/atrio/cefet-mg.../sabrina_ferreira_de_aguiar > Acesso em 27 dez. 2015. https://doi.org/10.14295/2596-2221.xviceel.2018.139.

ARRUDA, E. P. ARRUDA, D. E. P. Educação a Distância no Brasil: Políticas Públicas e Democratização do Acesso ao Ensino Superior. Educação em Revista, Belo Horizonte, v. 31, n. 03, 2015. Disponível em: < http:// http://www.scielo.br> Acesso em 07 jan. 2016. https://doi.org/10.1590/0102-4698117010.

BELLONI, M. L. Educação a Distância. Campinas: Autores Associados, 2003.

BRASIL. Conferência Nacional de Educação – CONAE. Construindo o Sistema Articulado de Educação: Plano Nacional de Educação, Diretrizes e Estratégias de Ação – Documento Referência. Brasília: Ministério da Educação, 2010. Disponível em: < http://portal.mec.gov.br/arquivos/pdf/conae/documento_referencia.pdf> Acesso em 15 mai. 2019. https://doi.org/10.1590/s0101-73302010000300019.

BRASIL. Lei nº 9394, de 20 de dezembro de 1996. Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional: Estabelece as diretrizes e bases da educação nacional. Disponível em: < http://portal.mec.gov.br/arquivos/pdf/ldb> Acesso em 12 dez. 2015. https://doi.org/10.11606/d.7.2013.tde-10092013-151829.

BRASIL. Lei nº 10172, de 09 de janeiro de 2001. Plano Nacional de Educação. Disponível em: < http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/leis/leis_2001/l10172.htm> Acesso em 12 dez. 2015. https://doi.org/10.1590/s0104-40602006000100015.

BRASIL. Plano de Desenvolvimento da Educação. Brasília: Ministério da Educação, 2007. Disponível em: < http://portal.mec.gov.br/arquivos/livro/livro.pdf> Acesso em 12 dez. 2015. https://doi.org/10.11606/d.8.2013.tde-18092013-111030.

CASTELLS, M. A Sociedade em Rede – a Era da Informação: Economia, Sociedade e Cultura. São Paulo: Paz e Terra, 1999. https://doi.org/10.17231/comsoc.5(2004).1256

COSTA, M. L. F. ZANATTA, R. M. (orgs.) Educação a Distância no Brasil: Aspectos Históricos, Legais, Políticos e Metodológicos. 2. ed. Maringá: Eduem, 2010.

DOURADO, L. F. Políticas e Gestão da Educação Superior a Distância: Novos Marcos Regulatórios? Educação & Sociedade, Campinas, v. 29, n. 104, p. 891-917, out. 2008. Disponível em: <http://www.cedes.unicamp.br> Acesso em 05 jan. 2016. https://doi.org/10.1590/s0101-73302008000300012

LÉVY, P. Cibercultura. Rio de Janeiro: Editora 34, 1999.

LÉVY, P. O que é o Virtual? Rio de Janeiro: Editora 34, 1996.

LÉVY, P. As Tecnologias da Inteligência: O Futuro do Pensamento na Era da Informática. Rio de Janeiro: Editora 34, 1993.

MENDES, A. M. A Educação a Distância nos Meandros da Legislação Brasileira: 1988-1996. Dissertação de mestrado. Brasília: Faculdade de Educação, Universidade de Brasília, 2005. Disponível em: < http:// www.unb.br> Acesso em 27 dez. 2015. https://doi.org/10.20873/uft.rbec.v4e6291

NOGUEIRA, D. X. P. A Educação a Distância no Brasil: da LDB ao Novo PNE. In: 25º Simpósio Brasileiro e 2º Congresso Ibero-Americano de Política e Administração da Educação, 2011, São Paulo. Comunicação. São Paulo, 2011, PUC-SP e USP. Disponível em: < http://www.anpae.org.br/simposio2011>. Acesso em: 18 dez. 2015. https://doi.org/10.29381/0103-8559/2019290143-5

PESCE, L. As Contradições da Institucionalização da Educação a Distância, pelo Estado, nas Políticas de Formação de Educadores: Resistência e Superação. HISTEDBR On-line, Campinas, n.26, p.183 –208, jun. 2007. Disponível em: Acesso em 05 jan. 2016. https://doi.org/10.20396/rho.v15i65.8642710

PETERS, O. Didática da Educação a Distância. São Leopoldo: Unisinos, 2001.

PRETTO, N. L. RICCIO, N. C. R. A Formação Continuada de Professores Universitários e as Tecnologias Digitais. Educar, Curitiba, n. 37, p. 153-169, maio/ago. 2010. Disponível em: <http://www.scielo.br> Acesso em 05 jan. 2016. https://doi.org/10.1590/s0104-40602010000200010.

SANTINELLO, J. Pressupostos Teóricos da Educação a Distância no Brasil. EmRede – Revista de Educação a Distância UniRede, Santa Catarina, v. 1, n.1, 2014. Disponível em Acesso em 07 jan. 2016. https://doi.org/10.3895/rbect.v8n2.2974

SARDELICH, M. E. Formação de Professores no Brasil: Políticas para a Modalidade a Distância. Educação em Foco, Belo Horizonte, v. 16, n. 22, p. 13-43, dez. 2013. Disponível em Acesso em 20 mai. 2016. https://doi.org/10.1590/1983-21172008100103.

SAVIANI, D. O Plano de Desenvolvimento da Educação: Análise do Projeto do MEC. Educação & Sociedade, Campinas, v. 28, n. 100, p. 1231-1255, out. 2007. Disponível em: <http://www.cedes.unicamp.br> Acesso em 05 jan. 2016. https://doi.org/10.1590/s0101-73302007000300027.

SOUZA, M. M. P. de. SILVA, W. V. K. M. Fundamentos Históricos da Educação a Distância: Políticas e Práticas da EaD no Brasil. Maringá: CESUMAR, 2011.

ZANLORENZI, M. J. Entre a LDB 9.394/96 e o PNE 2014-2024: Breves Apontamentos Sobre a Educação a Distância na Formação de Professores. In: Encuentro Latinoamericano de Profesores de Política Educativa, II Seminário Internacional de Questões de Pesquisa em Educação, 2015, Guarulhos – SP. Comunicação. Guarulhos, 2015, UNIFESP. Disponível em < http://www.relepe.org> Acesso em 07 jan. 2016. https://doi.org/10.17143/ciaed/xxiiciaed.2016.00056

Downloads

Publicado

2019-12-12

Como Citar

Pereira, D. de O. (2019). A Educação a Distância nas Políticas Públicas de Formação Continuada de Professores. Revista Educação E Políticas Em Debate, 8(2), 206–220. https://doi.org/10.14393/REPOD-v8n2a2019-47393

Edição

Seção

Artigos de Demanda Contínua