CLASSES HOSPITALARES NO MUNICÍPIO DO RIO DE JANEIRO: AS VOZES DAS PROFESSORAS

Autores

  • Daniela Patti do Amaral Universidade Federal do Rio de Janeiro

Palavras-chave:

Classe hospitalar, Formação de professores, Prática docente

Resumo

Este artigo focaliza saberes e prática docente de professoras atuantes em quatro classes hospitalares no município do Rio de Janeiro. Foram entrevistadas nove professoras que trabalhavam em quatro classes hospitalares vinculadas à Secretaria Municipal de Educação da Cidade do Rio de Janeiro e observadas atividades do cotidiano nas classes hospitalares e enfermarias pediátricas dos hospitais. Ao final, derivamos dos resultados da pesquisa algumas considerações e sugestões, com o propósito de reafirmar o caráter pedagógico-educacional das classes hospitalares. Defendemos igualmente a formulação de um projeto pedagógico compatível com a demanda de alunos hospitalizados, além de propor medidas para aprimorar a formação em serviço dos docentes das classes hospitalares.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Métricas

Carregando Métricas ...

Biografia do Autor

Daniela Patti do Amaral, Universidade Federal do Rio de Janeiro

Doutora em Educação pela Universidade Federal do Rio de Janeiro. Professora da Faculdade de Educação da UFRJ e do Programa de Pós-Graduação em Educação da Faculdade de Educação da UFRJ. E-mail: danielapatti.ufrj@gmail.com

Referências

AMARAL, D. P. do Amaral. Saber e prática docente em classes hospitalares: um estudo no município do Rio de Janeiro. Rio de Janeiro: UNESA, 2001.113p. Dissertação (Mestrado em Educação)- Rio de Janeiro: UNESA, 2001.

AROSA, A. SCHILKE, A. L. A escola no hospital: espaço de experiências emancipadoras. Niterói: Intertexto, 2007.

BARROS, A.S. A prática pedagógica em uma enfermaria pediátrica. Contribuições da classe hospitalar à inclusão desse alunado. Revista Brasileira de Educação – ANPEd, São Paulo, No 12 – set/out/nov/dez 1999.

BRASIL. Ministério da Educação e do Desporto. Secretaria de Educação Especial. Política Nacional de Educação Especial. Brasília, MEC/SEESP, 1994, 66p.

BRASIL. Conselho nacional dos direitos da criança e do adolescente. Resolução n. 41 de 13 de outubro de 1995. Direito da criança e do adolescente hospitalizados. Diário Oficial, Brasília, 17 de outubro de 1995. Seção 1, PP 319-320.

BRASIL. Lei n. 9.394, de 20 de dezembro de 1996. Estabelece as Diretrizes e Bases da Educação Nacional. Brasília, 20 dez 1996a.

BRASIL. Ministério da Educação. Classe hospitalar e atendimento pedagógico domiciliar: estratégias e orientações. Brasília: MEC/SEESP, 2002.

CECCIM, R.B. Classe Hospitalar: encontros da educação e da saúde no ambiente hospitalar. Revista Pátio, Porto Alegre, ano 3, no 10, pp. 41-44, ago/out 1999.

CECCIM, R. Burg e CARVALHO P.R.A. (orgs.). Criança hospitalizada: atenção integral como escuta à vida - Porto Alegre : Editora da Universidade / UFRGS, 1997.

FONSECA, E. Atendimento pedagógico-educacional para crianças e jovens hospitalizados: realidade nacional. Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais, Brasília, Série Documental. Textos para Discussão 4, 1999a.

FONSECA, E. Classe hospitalar: ação sistemática na atenção às necessidades pedagógicoeducacionais de crianças e adolescentes hospitalizados. Revista Temas sobre Desenvolvimento, São Paulo, v. 7, no 44, pp.32-37, mai/jun, 1999b.

FONSECA, E.S. ; CECCIM, R.B. Atendimento pedagógico-educacional hospitalar: promoção do desenvolvimento psíquico e cognitivo da criança hospitalizada. Revista Temas sobre Desenvolvimento, São Paulo, v. 7, no 42, pp.24-36, jan./fev., 1999.

FONTES, R. de S. A escuta pedagógica à criança hospitalizada: discutindo o papel da educação no hospital. Revista Brasileira de Educação, Rio de Janeiro, n.29, maio/jun.2005.

MINAYO, M.C.(org.) Pesquisa social: teoria, método e criatividade. 2a ed. Petrópolis: Vozes, 2a ed., 1994.

OLIVEIRA, H. Ouvindo a criança sobre a enfermidade e a doença. In: CECCIM, R. B. & CARVALHO, P.R.A (orgs.) Criança hospitalizada: atenção integral como escuta à vida. Porto Alegre: Editora da Universidade (UFRGS), 1997, pp.42-55.

PASSOS, L.F. O projeto pedagógico e as práticas diferenciadas: o sentido da troca e da colaboração. In: ANDRÉ, M.(org.) Pedagogia das diferenças na sala de aula. Campinas, SP: Papirus, 1999, pp. 107-132. (Coleção Prática Pedagógica).

RIO DE JANEIRO. Diário Oficial do Município do Rio de Janeiro. Ano XXIV. N. 148. Rio de Janeiro, 12 Segunda-feira, 25 de outubro de 2010.

Downloads

Publicado

2015-08-19

Como Citar

do Amaral, D. P. (2015). CLASSES HOSPITALARES NO MUNICÍPIO DO RIO DE JANEIRO: AS VOZES DAS PROFESSORAS. Revista Educação E Políticas Em Debate, 4(1). Recuperado de https://seer.ufu.br/index.php/revistaeducaopoliticas/article/view/31314

Edição

Seção

Dossiê Políticas de Educação Escolar em Contextos Hospitalares