Um Olhar Crítico Reflexivo da Política de Formação Inicial dos Professores do Ensino Básico Cabo-Verdiano / Reflective and Critical Look at the Policy of Training Teachers of Primary School of Cape Verde

Autores

  • Emanuel Monteiro Universidade Federal da Bahia

DOI:

https://doi.org/10.14393/REPOD-v1n1a2012-17377

Resumo

O propósito deste trabalho visa analisar a política de formação de professores de Ensino Básico de Cabo Verde, tendo o Instituto Pedagógico - IP como o principal órgão de ensino no cumprimento dessa política. O artigo começa abordando sobre os desafios da formação docente na contemporaneidade e a necessidade de um entendimento da formação no seu sentido mais largo e profundo e, portanto como basilar do processo educativo. Seguidamente, é caracterizada a formação dos professores do Ensino Básico em Cabo Verde, fazendo uma pequena retrospectiva dos desafios de formação dos seus professores no período anterior à sua independência até esta se efetivar, a análise da consonância das ações do IP com o Plano Estratégico de Educação para amenizar o problema da falta de professores formados atuando no Ensino Básico. Para atingir estes objetivos utilizou-se a análise de conteúdo. Conclui-se o artigo com o entendimento de que, além de ser aligeirada a formação dos professores do Ensino Básico Cabo-verdianohá um tipo de interesse que não está a favor da evolução da consciência humana e especificamente da emancipação do indivíduo.

ABSTRACT: The purpose of this paper is to analyze the policy of training teachers of Basic Education in Cape Verde, and the Pedagogical Institute - IP as the main organ of education in compliance with this policy. The articles begin by discussing the challenges of teacher training in contemporary and an understanding of the need for training in its broadest sense, understand deep, and carrying it as basic education process. Is then characterized the training of teachers of basic education in Cape Verde, doing a little background of the challenges of teacher education in Cape Verde since even before independence is part of the analysis of the Education Strategic Plan in line with the actions of IP alleviate the shortage of trained teachers who acting in elementary school, to achieve the goal of the analysis used content analysis. It concluded with the understanding, as well as being lighter training for teachers in primary Cape Verde reveals a kind of interest that is not in favor the evolution of human consciousness and specifically with the emancipation of the individual.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Métricas

Carregando Métricas ...

Referências

BARDIN, Laurence. Análise de conteúdo. 4. Ed. Lisboa/Portugal: edições 70, 2009.

FREIRE, Paulo. A importância do ato de ler: em três artigos que se completam. 35. Ed. São Paulo:

Cortez, 1997.

______. Pedagogia da autonomia: saberes necessários à prática educativa. 31. Ed. São Paulo: Paz e

Terra, 2005.

GIROUX, Henry A. Os professores como intelectuais: rumo a uma pedagogia critica da

aprendizagem. Trad. Daniel Bueno. Porto Alegre: Artes Medicas, 1997.

IANNI, Octavio. Era do globalismo. 3. ed. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira,1997.

IMBERNÓN, Francisco. Formação docente e profissional: formar-se para mudança na incerteza.

Ed. São Paulo: Cortez, 2006.

Lei de Bases do Sistema Educativo. In Boletim Oficial, Praia- Cabo Verde n. 52, dez. 1990.

Revista Educação e Políticas em Debate - v. 1, n. 1, - jan./jul. 2012.

LUDKE, Menga e ANDRÉ, Marli. Pesquisa em educação: abordagens qualitativas. Temas básicos

de educação e ensino. São Paulo: EPU, 1986.

MACEDO, Roberto Sidnei. Compreender/Mediar a formação: fundante da educação. Brasília;

Liber Livro, 2010.

MIZUCAMI, Maria da Graça Nicolleti, et al. Escola e aprendizagem da docência: processos de

investigação e formação. São Carlos: Edufscar, 2002.

NOVÓA, António (org). Profissão professor. 2. ed, Porto Portugal: Porto, 1999.

Plano Estratégico de Educação Nacional. Praia, Cabo Verde 2003.

Plano Nacional de Educação para Todos. Praia, Cabo Verde 2003.

SCHÖN, D. A. Formar professores como profissionais reflexivos. In: NÓVOA, A. (Coord.). Os

professores e a sua formação. Lisboa: Dom Quixote, 1995.

TOLENTINO, Andre Corsino. Universidade e transformação social nos pequenos estados

insulares em desenvolvimento: o caso Cabo Verde. 2. ed. Lisboa, Portugal: Fundação Calouste

Gulbenkian, 2007.

TORRES, Carlos Alberto. Estado, Privatização, e Política Educacional: Elementos para uma crítica

do Neoliberal. In: GENTILI (org). Pedagogia da Exclusão: crítica ao neoliberalismo em

Educação. 10 ed. Petrópolis: Vozes, 1995.

TORRES Rosa Maria. Melhorar a qualidade de educação básica? As estratégias do Banco Mundial.

Trad. Mónica Corullón In: TOMMASI, Lívia de; WARDE, Mirian Jorge e HADDAD (orgs). O

Banco Mundial e as Políticas Educacionais. 2. ed. São Paulo: Cortez, 1998.

UNESCO, Relatório de Monitoramento Global de Educação para todos, 2007.

VIEIRA, Arlindo Mendes. Análise de necessidade de formação de professores do ensino

Básico Integrado (EBI) em Cabo Verde: contributo para seu estudo. Lisboa, 2005.

Downloads

Publicado

2012-06-18

Como Citar

Monteiro, E. (2012). Um Olhar Crítico Reflexivo da Política de Formação Inicial dos Professores do Ensino Básico Cabo-Verdiano / Reflective and Critical Look at the Policy of Training Teachers of Primary School of Cape Verde. Revista Educação E Políticas Em Debate, 1(1). https://doi.org/10.14393/REPOD-v1n1a2012-17377

Edição

Seção

Artigos