Participação das Organizações Empresariais nas Políticas Educacionais no Nordeste Brasileiro: Os Casos do Piauí e do Ceará / <i>Involvement of Business Organizations in the Education Policies in Brazilian Northeast: The Cases of Piauí and Ceará</i>

Autores

  • Liliene Xavier Luz Universidade Estadual do Piauí - PI
  • Antonio Glauber Alves Oliveira Universidade Estadual do Piauí - PI
  • Maria Meirice Pereira Barbosa Centro de Ensino Superior do Ceará - CE

Resumo

Este artigo resultou de um recorte de uma pesquisa sobre a participação das organizações empresariais nas políticas educacionais no Nordeste brasileiro, tendo como estudos de caso os estados do Piauí e do Ceará. Nosso foco principal é a relação entre o público e o privado na educação, tendo como norte conceitual as mudanças nos processos de regulação social que deram suporte às reformas liberais, cujo eixo tem se voltado para a descentralização das políticas sociais, abrindo espaço para que o Estado estabeleça novas relações com o setor privado. Demos particular atenção para a participação do setor privado na gestão das políticas educacionais a partir do contexto das reformas dos anos de 1990, mas com um olhar empírico mais voltado para os anos 2000. A pesquisa de campo ocorreu na esfera da gestão dos sistemas estaduais de ensino e na sede da organização escolhida como exemplo para análise.

ABSTRACT: This paper is the result of a cutting from a research about the involvement of business organizations in the education policies in Brazilian Northeast, considering the cases of Piauí and Ceará states. Our main focus is the relation between the public and private sectors in the education system - taking into account the changes in the social regulation processes that have given support to the liberal reforms - whose action has moved to decentralization of the social policies, providing openings for the establishment of a new relation between the State and the private sector. We focused on the participation of the business sector in the management of education policies from the context of the reforms in the 1990s, but with an empiric look towards the 2000s. The field research took place in the sphere of management of state education systems and in the seat of the organization chosen as example for the analysis.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Métricas

Carregando Métricas ...

Referências

ACUÑA, C. H. The political economy of structural adjustment: the logic of support and

opposition to neoliberal reform. In: SMITH, W. C.; ACUÑA, C. H.; GAMARRA, E. A. (Org.).

Latin American political economy in the age of neoliberal reform: theoretical and

comparative perspectives for the 1990s. United States of America: North-South

Center/University of Miami, 1994.

ALVARENGA, M. A escola como instituição singular (um estudo do Programa NaturaEscola). 2000. Dissertação (Mestrado) - Faculdade de Educação da Universidade de São Paulo,

São Paulo.

ARELARO, L. R. G. O Ensino Fundamental no Brasil: avanços, perplexidades e tendências.

Educação e Sociedade, Campinas, v. 26, n. 92, p. 1039-1066, out, 2005.

BEGHIN, N. A filantropia empresarial - nem caridade, nem direito. São Paulo: Cortez, 2005.

BOCCIA, S. O tamanho da responsabilidade. Revista Exame, São Paulo, Editora Abril, 22 dez.

BRASIL/Instituo Brasileiro de Geografia e Estatística - IBGE. As Fundações privadas e

associações sem fins lucrativos no Brasil 2005. Estudos e Pesquisas Informação Econômica

nº 8. Rio de Janeiro, 2008.

Revista Educação e Políticas em Debate - v. 1, n. 1, - jan./jul. 2012.

BRASIL. Resolução n° 2, de 11 de setembro de 2001. Estabelece as Diretrizes Nacionais para

Educação Especial na Educação Básica.

BRASIL. Lei nº 10.172, de 09 de janeiro de 2001. Aprova o Plano Nacional de Educação e dá

outras providências.

BRASIL. Lei nº 9.394, de 20 de dezembro de 1996. Lei de Diretrizes e Bases da Educação

Nacional. Estabelece as Diretrizes e Bases da Educação Nacional.

DRAIBE, S. As políticas sociais e o neoliberalismo: reflexões suscitadas pelas experiências latinoamericanas. Revista USP - Coordenadoria de Comissão Social - CCS, São Paulo, n. 17, 1993.

FRIEDMAN, M. Capitalismo e liberdade. São Paulo: Nova Cultural, 1985.

GIDDENS, A. Para além da esquerda e da direita: o futuro da política radical. São Paulo:

Edunesp, 1996.

GIDDENS, A. A terceira via: reflexões sobre o impasse político atual e o futuro da socialdemocracia. Rio de Janeiro: Record, 2000.

GONÇALVES JR, O. Iniciativa privada na educação pública: A FIAT e o Programa Moto

Perpétuo. 2004. Dissertação (Mestrado) - Faculdade de Educação da Universidade de São Paulo,

São Paulo.

GUIMARÃES, S. D. Parceria escola pública-empresa privada no Estado de São Paulo,

Brasil. 2003. Dissertação (Mestrado) — Faculdade Latino-Americana de Ciências Sociais, Buenos

Aires, Argentina.

HARVEY, D. Condição pós-moderna. São Paulo: Loyola, 1992.

HAYEK, F. A. von. O caminho da servidão. Rio de Janeiro: Biblioteca do Exército, 1944.

KRAWCZYK, N. R. A escola média: um espaço sem consenso. Cadernos de Pesquisa -

Fundação Carlos Chagas; Autores Associados, São Paulo, n. 120, nov. 2003.

OFFE, C. Problemas estruturais do Estado capitalista. Rio de Janeiro: Tempo Brasileiro,

ROSE, N. El gobierno en las democracias liberales ―avanzadas‖: del liberalismo al

neoliberalismo. Traducción de Julia Varela. Archipiélago. Cuadernos de crítica de la cultura,

Barcelona, n. 29, pp. 25-40, 1997.

Revista Educação e Políticas em Debate - v. 1, n. 1, - jan./jul. 2012.

ROSE, N.; MILLER, P. Political power beyond the State: problematics of government. British

Journal of Sociology, Londres, v. 2, n. 43, p. 173-205, 1992.

TEIXEIRA, A. C. C. A atuação das organizações não-governamentais: entre o Estado e o

conjunto da sociedade. In: DAGNINO, E. Sociedade civil e espaços públicos no Brasil. São

Paulo: Paz e Terra, 2002

Downloads

Publicado

2012-06-18

Como Citar

Luz, L. X., Oliveira, A. G. A., & Barbosa, M. M. P. (2012). Participação das Organizações Empresariais nas Políticas Educacionais no Nordeste Brasileiro: Os Casos do Piauí e do Ceará / <i>Involvement of Business Organizations in the Education Policies in Brazilian Northeast: The Cases of Piauí and Ceará</i>. Revista Educação E Políticas Em Debate, 1(1). Recuperado de https://seer.ufu.br/index.php/revistaeducaopoliticas/article/view/17365

Edição

Seção

Dossiê